Natalie Martins

Natalie Martins

0
Followers
5
Following
Natalie Martins
More ideas from Natalie
Ela coloca sal nos ralos da casa; depois que souber o motivo, você vai fazer o mesmo! | Cura pela Natureza

Ela coloca sal nos ralos da casa; depois que souber o motivo, você vai fazer o mesmo! | Cura pela Natureza

Funciona eu fiz . Limpeza de fogão: mistura de água + bicarbonato de sódio + vinagre branco, agitar e aplicar sobre o tampo do fogão. Se quiser depois pode passar pano seco. Para os queimadores e cachimbos, deixar de molho em bicarbonato e em seguida enxaguar.

Funciona eu fiz . Limpeza de fogão: mistura de água + bicarbonato de sódio + vinagre branco, agitar e aplicar sobre o tampo do fogão. Se quiser depois pode passar pano seco. Para os queimadores e cachimbos, deixar de molho em bicarbonato e em seguida enxaguar.

Gio III - Poder da Cor | Gio Antonel  Gente esse esmalte é mara além de secar mega rápido até me assustei quando comprei o meu fiquei é impossível secar tão rápido além de ser lindo ❤

Gio III - Poder da Cor | Gio Antonel Gente esse esmalte é mara além de secar mega rápido até me assustei quando comprei o meu fiquei é impossível secar tão rápido além de ser lindo ❤

E depois de um verde petróleo com muito brilho (se você ainda não viu, clica aqui), deu vontade de um tom mais “normal”. Foi só ver uma foto no Instagram da @Pshiiit_Polish que desejei na hora aquele coralzinho com brilhinhos rosados. Se tratava do Pivoine da coleção Primavera 2016 da Dior. Fiquei com aquele tom na cabeça e não sosseguei até chegar perto! Já que o dólar não tá nem um pouco amigo, bora partir para criar as cores gringas com o que temos em casa, né? Se fosse para fazer uma…

E depois de um verde petróleo com muito brilho (se você ainda não viu, clica aqui), deu vontade de um tom mais “normal”. Foi só ver uma foto no Instagram da @Pshiiit_Polish que desejei na hora aquele coralzinho com brilhinhos rosados. Se tratava do Pivoine da coleção Primavera 2016 da Dior. Fiquei com aquele tom na cabeça e não sosseguei até chegar perto! Já que o dólar não tá nem um pouco amigo, bora partir para criar as cores gringas com o que temos em casa, né? Se fosse para fazer uma…

Você já parou pra pensar em qual é o cheiro da sua casa? Vou admitir que a minha, antes da diarista, tinha cheiro de jaula. Mas tudo mudou… Bom, meses atrás, antes de mudar pra atual casa, estava eu batendo perna na Etna e vi esse vidrinho bonitinho aí do lado. Dei uma cheirada e logo […]

Você já parou pra pensar em qual é o cheiro da sua casa? Vou admitir que a minha, antes da diarista, tinha cheiro de jaula. Mas tudo mudou… Bom, meses atrás, antes de mudar pra atual casa, estava eu batendo perna na Etna e vi esse vidrinho bonitinho aí do lado. Dei uma cheirada e logo […]

A combinação de hoje é um clássico que tenho certeza que muitas de vocês já fizeram alguma vez na vida: Dara + Rebu, ambos da Risqué. Eu já fiz muito o Café (Colorama) + Rebu (Risqué) mas essa eu nunca havia feito e confesso que amei! O tom fica um bordô super escuro, quase preto, mas com aquele fundinho mais vinho rosado. Lindo, lindo. O Dara é aquele esmalte do tipo ou ame ou odeie. Ele no vidrinho parece um marrom, quase preto, nas unhas ele é bem fluído, mas aquele tom que não se define…

A combinação de hoje é um clássico que tenho certeza que muitas de vocês já fizeram alguma vez na vida: Dara + Rebu, ambos da Risqué. Eu já fiz muito o Café (Colorama) + Rebu (Risqué) mas essa eu nunca havia feito e confesso que amei! O tom fica um bordô super escuro, quase preto, mas com aquele fundinho mais vinho rosado. Lindo, lindo. O Dara é aquele esmalte do tipo ou ame ou odeie. Ele no vidrinho parece um marrom, quase preto, nas unhas ele é bem fluído, mas aquele tom que não se define…

E já que vocês gostaram tanto da combinação da semana passada (quem não viu ainda é só clicar aqui) quis voltar com outra clássica e que já foi usada MUITO por mim na época que eu só usava branquinhos! Não usava exatamente esses esmaltes que usei hoje mas a proposta deles era a mesma, tanto de cor quanto de cobertura. Quando comecei a fazer unhas eu tinha uns 12, 13 anos e naquela época era meio estranho garota dessa idade usar esmalte “colorido”! Mas como eu queria estar com as unhas sempre…

E já que vocês gostaram tanto da combinação da semana passada (quem não viu ainda é só clicar aqui) quis voltar com outra clássica e que já foi usada MUITO por mim na época que eu só usava branquinhos! Não usava exatamente esses esmaltes que usei hoje mas a proposta deles era a mesma, tanto de cor quanto de cobertura. Quando comecei a fazer unhas eu tinha uns 12, 13 anos e naquela época era meio estranho garota dessa idade usar esmalte “colorido”! Mas como eu queria estar com as unhas sempre…