Denise Relvas
More ideas from Denise
O raio de Yansã sou eu, cegando o aço das armas de quem guerreia. O vento de Yansã também sou eu. Que Sta Bárbara é santa que me clareia...

O raio de Yansã sou eu, cegando o aço das armas de quem guerreia. O vento de Yansã também sou eu. Que Sta Bárbara é santa que me clareia...

O raio de Yansã sou eu, cegando o aço das armas de quem guerreia. O vento de Yansã também sou eu. Que Sta Bárbara é santa que me clareia...

O raio de Yansã sou eu, cegando o aço das armas de quem guerreia. O vento de Yansã também sou eu. Que Sta Bárbara é santa que me clareia...