Pinterest • O catálogo de ideias do mundo todo

Desmatamento Da Floresta Amazonica

No comando do Ministério do Meio Ambiente no primeiro governo Lula, Marina Silva teve no plano ‘BR-163 Sustentável’ a principal tentativa para evitar o desmatamento causado por estradas na Amazônia. O governo federal lançou no dia 5 de junho de 2006 o Plano de Desenvolvimento Regional Sustentável para a Área de Influência da Rodovia BR-163, mais conhecido como Plano BR-163 Sustentável. Uma área de 1,232 milhão de km2, que inclui 79 municípios dos Estados do Pará, Mato Grosso e Amazonas.

9

rodrigo petrella | a luz da floresta e o arco da destruição

19
6

| 25.08.2016 | Criada em fevereiro de 2006 pelo Decreto Presidencial nº 10.770, a Flona do Jamanxim está localizada a noroeste da BR-163, na divisa entre os estados do Pará e Mato Grosso. Tem um perímetro de 1.301.120 hectares. A Floresta Nacional (Flona) do Jamanxim, no sul do Pará, é o maior conjunto de unidades de conservação do país. Ela foi criada em 2006, com mais de 1,3 milhão de hectares, para diminuir o desmatamento da Amazônia trazido pela BR-163, estrada que liga Santarém a…

5
2

Tribo Tembé usa tecnologia para proteger terra indígena no

Puyr Tembé, líder da comunidade que entrou em contato com a Rainforest, diz que o projeto é examente o que a tribo busca: autonomia em relação às políticas do estado. Segundo ela, somente a fiscalização governamental não é suficiente, já que com a enorme extensão territorial nem sempre é possível coibir o desmatamento e as invasões da terra indígena. Além disso, ela diz que a missão de proteger é da própria comunidade indígena - o que ela enfatiza ser diferente de fiscalizar.

9
10

10 maravilhas da natureza para visitar antes que desapareçam

Amazônia Com impressionantes 5,5 milhões de quilômetros quadrados, a Floresta Amazônica é a maior floresta tropical do mundo. O desmatamento gerado pela expansão da agricultura e pecuária e construção de estradas fez com que a área total desmatada da floresta crescesse de 415.000 para 587.000 quilômetros quadrados entre 1991 e 2000.

10

Virou fumaça, ou poeira, o plano “BR-163 Sustentável”, principal tentativa de Marina Silva quando era ministra de Lula para evitar o desmatamento induzido por estradas na Amazônia. Não se vê outra coisa -pó e fumaceira- nos cerca de 200 km que ainda falta pavimentar da rodovia no sudoeste do Pará.

8
1

Em 1999, quando o governo FHC planejou pavimentar a BR-163, temia-se um salto nas taxas de desmatamento (80% dele ocorre ao longo de rodovias amazônicas). Se 30 km fossem derrubados de cada lado da estrada, só a Cuiabá-Santarém redundaria em 60 mil km² de corte raso, ou três Estados de Sergipe.

7
1
3

Amazônia, Brasil. Mais

20
5

Rodovia Cuiabá-Santarém, importante canal de exportação de grãos, volta a ter alta de queimadas e desmatamento, conflitos fundiários e prisões

7

Espiritos da Floresta

Projeção mapping é tecnologia conhecida e cara, mas esta projeção está muito bonita