Uma vacina que interrompe o ciclo de transmissão da leishmaniose pode reduzir drasticamente o número de cães sacrificados em Belo Horizonte. Em desenvolvimento por pesquisadores do Instituto de Ciências Biológicas (ICB) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a imunização utiliza proteína do próprio mosquito-palha, transmissor da doença, para criar anticorpos no cachorro. (11/06/2016) #Leishmaniose #Pet #Cachorro #Saúde #Infográfico #Infografia #HojeEmDia

Uma vacina que interrompe o ciclo de transmissão da leishmaniose pode reduzir drasticamente o número de cães sacrificados em Belo Horizonte. Em desenvolvimento por pesquisadores do Instituto de Ciências Biológicas (ICB) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a imunização utiliza proteína do próprio mosquito-palha, transmissor da doença, para criar anticorpos no cachorro. (11/06/2016) #Leishmaniose #Pet #Cachorro #Saúde #Infográfico #Infografia #HojeEmDia

Anotem isto pessoal: MOLHAR O PELO DO CACHORRO NÃO PROVOCA MICOSES.  Os fungos (agentes causadores das micoses) são micro-organismos oportunistas e habitantes naturais da pele que se aproveitam de brechas da imunidade ou de um ambiente constantemente abafado e úmido (como os pés dentro de um sapato) para prosperarem.  Molhar o pelo do cão não produz brechas na imunidade e portanto provoca infecções por fungos.  Além disso vivemos em um país tropical! Em 15 minutinhos o nosso  astro-rei…

Anotem isto pessoal: MOLHAR O PELO DO CACHORRO NÃO PROVOCA MICOSES. Os fungos (agentes causadores das micoses) são micro-organismos oportunistas e habitantes naturais da pele que se aproveitam de brechas da imunidade ou de um ambiente constantemente abafado e úmido (como os pés dentro de um sapato) para prosperarem. Molhar o pelo do cão não produz brechas na imunidade e portanto provoca infecções por fungos. Além disso vivemos em um país tropical! Em 15 minutinhos o nosso astro-rei…

Descoberta abre caminho para novos tratamentos da leishmaniose e doença de Chagas

Descoberta abre caminho para novos tratamentos da leishmaniose e doença de Chagas

A Leishmaniose é uma doença parasitária grave do cão, causada por um parasita microscópio, denominado Leishmania, que é transmitido por um flebótomo. http://www.hospvetsantamarinha.com/

A Leishmaniose é uma doença parasitária grave do cão, causada por um parasita microscópio, denominado Leishmania, que é transmitido por um flebótomo. http://www.hospvetsantamarinha.com/

Você sabe como proteger o seu cachorro desta doença? Confira as dicas! A Leishmaniose é uma doença que acomete muitos cães, e que o melhor remédio é sempre a prevenção. Mas, você sabe como proteger...

Você sabe como proteger o seu cachorro desta doença? Confira as dicas! A Leishmaniose é uma doença que acomete muitos cães, e que o melhor remédio é sempre a prevenção. Mas, você sabe como proteger...

A leishmaniose visceral, conhecida também como calazar, é uma doença causada por protozoários, que tem como seu reservatório natural (em ambientes urbanos) cães e gatos, porém, pode atingir os seres humanos.

Bauru confirma primeiro caso de leishmaniose em 2016

A leishmaniose visceral, conhecida também como calazar, é uma doença causada por protozoários, que tem como seu reservatório natural (em ambientes urbanos) cães e gatos, porém, pode atingir os seres humanos.

Árvore da Mata Atlântica atua contra leishmaniose e doença de Chagas

Árvore da Mata Atlântica atua contra leishmaniose e doença de Chagas

Planta da Mata Atlântica é 10 vezes mais eficaz contra parasitas  Um princípio ativo encontrado nas plantas da espécie Piper malacophyllum, popularmente conhecida como pariparoba-murta, apresentou uma atividade antiparasitária até 10 vezes maior do que os medicamentos mais usados atualmente contra os protozoários causadores da doença de Chagas e da leishmaniose visceral

Planta da Mata Atlântica é 10 vezes mais eficaz contra parasitas Um princípio ativo encontrado nas plantas da espécie Piper malacophyllum, popularmente conhecida como pariparoba-murta, apresentou uma atividade antiparasitária até 10 vezes maior do que os medicamentos mais usados atualmente contra os protozoários causadores da doença de Chagas e da leishmaniose visceral

Para o Ministério da Saúde, Doenças Negligenciadas são aquelas que prevalecem em condições de pobreza extrema. São exemplos a doença de Chagas, esquistossomose, hanseníase, leishmaniose, malária, tuberculose, entre outras. Segundo a OMS um sexto da população mundial está infectada com uma ou mais destas doenças, o quadro torna-se mais grave pela falta de interesse das indústrias farmacêuticas, que preveem baixo retorno lucrativo no desenvolvimento de fármacos para tratá-las.

Para o Ministério da Saúde, Doenças Negligenciadas são aquelas que prevalecem em condições de pobreza extrema. São exemplos a doença de Chagas, esquistossomose, hanseníase, leishmaniose, malária, tuberculose, entre outras. Segundo a OMS um sexto da população mundial está infectada com uma ou mais destas doenças, o quadro torna-se mais grave pela falta de interesse das indústrias farmacêuticas, que preveem baixo retorno lucrativo no desenvolvimento de fármacos para tratá-las.

Árvore da Mata Atlântica atua contra leishmaniose e doença de Chagas | Continue Lendo Clique Imagem

Árvore da Mata Atlântica atua contra leishmaniose e doença de Chagas | Continue Lendo Clique Imagem

Pinterest
Pesquisar