Escadas de concreto

Escada Concreto                                                                                                                                                      Mais

Escadas bonitas

Escada Concreto Mais

Escada de madeira em degraus de concreto.

Como assentar degraus de madeira em uma escada de concreto?

Escada de madeira em degraus de concreto.

As Escadas Internas de Madeira vem sendo bastante utilizadas pelas pessoas, conheça 16 Modelos para inspirar você na hora de construir sua casa.

Escadas Internas de Madeira - 16 Modelos para inspirar

As Escadas Internas de Madeira vem sendo bastante utilizadas pelas pessoas, conheça 16 Modelos para inspirar você na hora de construir sua casa.

80 Escadas de madeira modernas para o seu projeto

80 Escadas de madeira modernas para o seu projeto

Fique por dentro das principais tendências de escadas feitas com madeiras. Veja 80 fotos.

COMO CONSTRUIR UNA ESCALERA DE HORMIGON - Buscar con Google

COMO CONSTRUIR UNA ESCALERA DE HORMIGON - Buscar con Google

A escada em “L”, que ocupava muito espaço e escurecia a sala, foi substituída por esta, em “U”, de concreto armado. “A ideia era deixá-la leve e neutra. Em vez de revestimento, optamos pelo cimento queimado”, diz a arquiteta Claudia Percego

Cimento queimado

A escada em “L”, que ocupava muito espaço e escurecia a sala, foi substituída por esta, em “U”, de concreto armado. “A ideia era deixá-la leve e neutra. Em vez de revestimento, optamos pelo cimento queimado”, diz a arquiteta Claudia Percego

DEPOIS - Um volume da edícula, nos fundos do quintal, tem lavanderia e área de serviços no térreo e escritório no pavimento superior. A fachada é executada com elementos vazados (Neorex) que permitem a ventilação da área de trabalhos domésticos. Também há uma escada caracol em concreto, que leva ao escritório, e é antecedida por um caminho composto de blocos drenantes (Neorex). O projeto de reforma do sobrado na Liberdade, em São Paulo, é do escritório SET Arquitetura

Retrofit de R$ 400 mil levanta astral de casa dos anos 50 no centro de SP

DEPOIS - Um volume da edícula, nos fundos do quintal, tem lavanderia e área de serviços no térreo e escritório no pavimento superior. A fachada é executada com elementos vazados (Neorex) que permitem a ventilação da área de trabalhos domésticos. Também há uma escada caracol em concreto, que leva ao escritório, e é antecedida por um caminho composto de blocos drenantes (Neorex). O projeto de reforma do sobrado na Liberdade, em São Paulo, é do escritório SET Arquitetura

Casa 1. Uma das máximas do projeto, a manutenção fácil determinou a escolha do piso de granilite polido (Revestimento Vilar), com juntas de dilatação, no mesmo tom acinzentado da construção. Já o caminho da tubulação elétrica aparente (Santil) foi estudado para garantir efeito visual e iluminação cenográfca. As esquadrias são de alumínio com pintura anodizada preta (Integral Sudeste). A escada foi pintada de azul e parece uma escultura

Sobrados econômicos construídos por (e para) dois arquitetos

Casa 1. Uma das máximas do projeto, a manutenção fácil determinou a escolha do piso de granilite polido (Revestimento Vilar), com juntas de dilatação, no mesmo tom acinzentado da construção. Já o caminho da tubulação elétrica aparente (Santil) foi estudado para garantir efeito visual e iluminação cenográfca. As esquadrias são de alumínio com pintura anodizada preta (Integral Sudeste). A escada foi pintada de azul e parece uma escultura

Resultados da pesquisa de http://www.ciadom2.com.br/main/ciaonline/site_da_cia/blog_da_cia/wp-content/uploads/2012/05/escadas3.jpg no Google

Seis escadas de design arrojado e variados materiais

Resultados da pesquisa de http://www.ciadom2.com.br/main/ciaonline/site_da_cia/blog_da_cia/wp-content/uploads/2012/05/escadas3.jpg no Google

Os moradores da cobertura achavam que os 10 m² eram módicos demais. Mas a paisagista Susana Udler deu um jeito na área. A solução foi explorar as paredes, criando um jardim vertical incomum. Para esconder as vigas de concreto, ela usou placas de fibra de coco recheadas de ripsális.

Jardim pequeno: 10 dicas infalíveis para cuidar

Os moradores da cobertura achavam que os 10 m² eram módicos demais. Mas a paisagista Susana Udler deu um jeito na área. A solução foi explorar as paredes, criando um jardim vertical incomum. Para esconder as vigas de concreto, ela usou placas de fibra de coco recheadas de ripsális.

Pinterest
Pesquisar