Pinterest • O catálogo de ideias do mundo todo

Escolas Particulares Em Campinas

Estudantes protestam contra fechamento de escolas públicas de SP

Alunos das escolas estaduais Carlos Gomes e Francisco Glicério, de Campinas, realizam uma passeata pelas ruas do centro da cidade, nesta sexta-feira (13), em protesto contra a reorganização escolar proposta pelo Governo do Estado

Escolas particulares adotam os livros digitais - http://glo.bo/WypAey (Foto: Rogério Cassimiro/ÉPOCA)

livro digital

pin 1

PATTERNS: Spring Patterns Worksheets

Spring Patterns Worksheets

pin 15

Estudantes protestam contra fechamento de escolas públicas de SP

A Escola Estadual Dona Ana Rosa de Araújo, na zona oeste de São Paulo, foi ocupada na manhã desta sexta-feira (13) por estudantes. Com esta nova manifestação, já são sete as escolas ocupadas na capital e na Grande São Paulo. Os estudantes protestam contra a reorganização da rede estadual proposta pela Secretaria da Educação

pin 1

Restaurar natureza tomada por lama é impossível; rio Doce pode desaparecer

Restaurar natureza tomada por lama é impossível

Estudantes protestam contra fechamento de escolas públicas de SP

Trabalhadores da USP (Universidade de São Paulo) fizeram nesta sexta-feira uma manifestação em apoio aos estudantes que ocupam a Escola Estadual Fernão Dias, na zona oeste. Ontem, o grupo recebeu uma notificação da decisão da Justiça, que determinou a reintegração de posse

G1 Política - Manifestações no Brasil - Cobertura completa dos protestos

Belo Horizonte, Dilma, Minas Gerais, protesto

Em ato na cobertura do Congresso, índios pedem saída de Cunha

Indígenas protestam na Câmara dos Deputados contra a PEC que transfere do governo federal para o Congresso Nacional e pedem saída do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (Foto: Carolina Cruz/G1)

Estudantes protestam contra fechamento de escolas públicas de SP

A Escola Estadual Dona Ana Rosa de Araújo, na zona oeste de São Paulo, foi ocupada na manhã desta sexta-feira (13) por estudantes. Com esta nova manifestação, já são sete as escolas ocupadas na capital e na Grande São Paulo. Os estudantes protestam contra a reorganização da rede estadual proposta pela Secretaria da Educação