Pinterest • O catálogo de ideias do mundo todo

HISTÓRIA POR IMAGEM: O GRITO DO IPIRANGA: A independência criada por Pedro…

"O Grito do Ipiranga - segundo Pedro Américo" é um livro rápido de ler, curioso e dirigido aos interessados em saber mais sobre o que pensava o pintor brasileiro no momento em que pincelou a mais conhecida cena sobre a independência do Brasil. A obra literária, que é assinada por Luiz Ernesto Wanke (pai) , Marcos Luiz e Sérgio Ricardo (filhos), com aval da professora de História, Maria Marlene( mãe e esposa), foi elaborada a partir da análise de cartas inéditas de Pedro Américo dirigidas ao…

de Peregrinacultural's Weblog

7 de setembro — Dia da Independência do Brasil

O Grito do Ipiranga, 1888 Pedro Américo (Brasil 1843- 1905) óleo sobre tela, 7, 60 m x 4, 15 m Salão Nobre Museu Paulista, Universidade de São Paulo

5
1
de Foursquare

Casa do Grito

Casa do Grito fica próximo ao Monumento da Independência e ao Museu Paulista da USP, também conhecido como Museu do Ipiranga. Foto: Museu da Cidade/divulgação.

6
1

dinheiro: nota de Cr$ 200,00 (duzentos cruzeiros) Circulou dos anos 40 aos anos 70 (início). No verso da nota, o famoso quadro de Pedro Américo "O Grito do Ipiranga".

2
de Foursquare

Monumento à Independência

saopaulotudodebom no Instagram "Na Colina do Ipiranga, junto ao Riacho do Ipiranga, D. Pedro I declarou o país independente de Portugal em 1822. O Parque abriga o Museu Paulista, mais conhecido como Museu do Ipiranga, a Casa do Grito, além do Monumento à Independência – uma estátua em homenagem ao "grito do Ipiranga", de autoria do italiano Ettore Ximenez. Por @agustodmoraes"

19

Águas de Pontal: O grito do Ipiranga: uma fraude?

de UOL Educação

Confira 30 personalidades que foram retratadas nas notas de dinheiro do Brasil

D. Pedro 1º (1798-1834), primeiro monarca do Império do Brasil, e "O grito do Ipiranga", quadro de Pedro Américo, representando a proclamação da Independência do Brasil, ocorrida às margens do riacho Ipiranga, nos arredores de São Paulo, na nota de 200 cruzeiros, que circulou de 1943 a 1973. O imperador estampou ainda a cédula de 5 cruzeiros, entre 1970 e 1984

1
de O TRECO CERTO

Curiosidades da História do Brasil

Dois “vícios” de criança eu mantenho até agora: o gosto de estudar História (qualquer uma, história do cinema, história geral, história em quadrinhos…) e a curiosidade. E esses do…