Jogos olímpicos e paralímpicos

​O Banco Central lançou as primeiras nove moedas comemorativas do programa numismático dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016: uma de ouro, quatro de prata e quatro de circulação comum. O programa compreenderá ao todo 36 moedas, que serão lançadas até 2016.

​O Banco Central lançou as primeiras nove moedas comemorativas do programa numismático dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio uma de ouro, quatro de prata e quatro de circulação comum. O programa compreenderá ao todo 36 moedas, que serão lançadas até Mais

Os atletas paralímpicos brasileiros mal podem esperar pelo momento em que entrarão no Maracanã, abrindo oficialmente os Jogos Paralímpicos 2016. Mas uma pessoa tem um motivo a mais para ficar ansiosa: trata-se de Shirlene Coelho, medalhista de ouro no lançamento de dardo em Londres. Ela será a primeira mulher a carregar a bandeira brasileira na abertura. A escolha foi feita pelos próprios atletas, em votação aberta entre os 287 esportistas que compõem a delegação brasileira. Os candidatos…

Os atletas paralímpicos brasileiros mal podem esperar pelo momento em que entrarão no Maracanã, abrindo oficialmente os Jogos Paralímpicos 2016. Mas uma pessoa tem um motivo a mais para ficar ansiosa: trata-se de Shirlene Coelho, medalhista de ouro no lançamento de dardo em Londres. Ela será a primeira mulher a carregar a bandeira brasileira na abertura. A escolha foi feita pelos próprios atletas, em votação aberta entre os 287 esportistas que compõem a delegação brasileira. Os candidatos…

Por decisão do Comitê Organizador Rio 2016, o centro ecumênico dos Jogos Olímpicos não incluirá cerimônias de religiões de matriz africana, como umbanda e candomblé. O local realizará cerimônias de cristianismo, islamismo, judaísmo, hinduísmo e budismo das 7h às 22h, celebradas em português, espanhol e inglês. Segundo o Comitê Olímpico do Brasil (COB), as religiões escolhidas representariam a maior parte dos atletas (mais de 10 mil atletas olímpicos e 4 mil paralímpicos de 200 países) e que…

Comitê Olímpico mantém decisão de excluir religiões africanas de centro ecumênico

Por decisão do Comitê Organizador Rio 2016, o centro ecumênico dos Jogos Olímpicos não incluirá cerimônias de religiões de matriz africana, como umbanda e candomblé. O local realizará cerimônias de cristianismo, islamismo, judaísmo, hinduísmo e budismo das 7h às 22h, celebradas em português, espanhol e inglês. Segundo o Comitê Olímpico do Brasil (COB), as religiões escolhidas representariam a maior parte dos atletas (mais de 10 mil atletas olímpicos e 4 mil paralímpicos de 200 países) e que…

Existem alguns assuntos que exigem uma sensibilidade gigante, um bom senso que vai além do que muitos costumam ter. Depois dos Jogos Olímpicos, será dada a largada da Paralimpíada, entre os dias 7 e 18 de setembro de 2016. Eis que para divulgar o evento, tão importante e representativo para pessoas com deficiência, a campanha Somos Todos Paralímpicos é estampada por Cléo Pires e Paulo Vilhena, dois atores que foram modificados no Photoshop para terem braço e perna amputados. E agora? Veja…

Existem alguns assuntos que exigem uma sensibilidade gigante, um bom senso que vai além do que muitos costumam ter. Depois dos Jogos Olímpicos, será dada a largada da Paralimpíada, entre os dias 7 e 18 de setembro de 2016. Eis que para divulgar o evento, tão importante e representativo para pessoas com deficiência, a campanha Somos Todos Paralímpicos é estampada por Cléo Pires e Paulo Vilhena, dois atores que foram modificados no Photoshop para terem braço e perna amputados. E agora? Veja…

As Olimpíadas do Rio chegaram ao fim, e deixarão saudades nos amante dos Jogos, que desfrutaram das competições imersos no espírito olímpico. Se você já está na ressaca e na saudade das Olimpíadas, vale lembrar que em pouco mais de duas semanas começam os Jogos Paralímpicos de 2016, trazendo de volta a emoção das competições, somada às histórias de superação que são a essência da competição – além de um Brasil que disputa as cabeças da competição. Sim, pois nos Jogos Paralímpicos de Londres…

As Olimpíadas do Rio chegaram ao fim, e deixarão saudades nos amante dos Jogos, que desfrutaram das competições imersos no espírito olímpico. Se você já está na ressaca e na saudade das Olimpíadas, vale lembrar que em pouco mais de duas semanas começam os Jogos Paralímpicos de 2016, trazendo de volta a emoção das competições, somada às histórias de superação que são a essência da competição – além de um Brasil que disputa as cabeças da competição. Sim, pois nos Jogos Paralímpicos de Londres…

Moedas Comemorativas dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016

Moedas Comemorativas dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016

Moedas Comemorativas dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016

Moedas Comemorativas dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016

Moedas Comemorativas dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 - Fotos Públicas

Vencer em casa. O sonho e desafio dos atletas brasileiros que disputarão os jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro foi o mesmo de Ayrton Senna, maior piloto da história do país, que só ganhou uma corrida no Brasil na nona tentativa. Para inspirar os atletas de hoje a lutar até o fim pelas medalhas, o Instituto Ayrton Senna criou uma pulseira para que eles tenham o ídolo no punho. O amuleto conta com uma tecnologia que aciona o vídeo quando um celular aponta para ele. Na gravação…

Vencer em casa. O sonho e desafio dos atletas brasileiros que disputarão os jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro foi o mesmo de Ayrton Senna, maior piloto da história do país, que só ganhou uma corrida no Brasil na nona tentativa. Para inspirar os atletas de hoje a lutar até o fim pelas medalhas, o Instituto Ayrton Senna criou uma pulseira para que eles tenham o ídolo no punho. O amuleto conta com uma tecnologia que aciona o vídeo quando um celular aponta para ele. Na gravação…

Quanto dinheiro você precisa para comer uma refeição preparada pelo melhor chef do mundo? Praticamente nada, ao menos durante os jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro. Durante o período, pessoas em situação de vulnerabilidade social poderão usufruir de um restaurante comunitário criado pelo chef Massimo Bottura. Massimo é considerado o melhor chef do mundo e seu restaurante Osteria Francescana, localizado em Modena, na Itália, conta com três estrelas Michelin (o máximo que um…

Quanto dinheiro você precisa para comer uma refeição preparada pelo melhor chef do mundo? Praticamente nada, ao menos durante os jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro. Durante o período, pessoas em situação de vulnerabilidade social poderão usufruir de um restaurante comunitário criado pelo chef Massimo Bottura. Massimo é considerado o melhor chef do mundo e seu restaurante Osteria Francescana, localizado em Modena, na Itália, conta com três estrelas Michelin (o máximo que um…

Moedas Comemorativas dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016

Moedas Comemorativas dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016

Moedas Comemorativas dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 - Fotos Públicas

Pinterest
Pesquisar