A água-viva é um animal muito incrível. Veja mais de 50 tipos curiosos de água-viva!

Águas-vivas impressionantes

A água-viva é um animal muito incrível. Veja mais de 50 tipos curiosos de água-viva!

Fotossíntese animal lesma-do-mar

Lesma-do-mar fofa é um dos únicos animais que pode fazer fotossíntese

Fotossíntese animal lesma-do-mar

Segundo cientistas, esta lesma-do-mar é o provavelmente parte de uma nova espécie

As criaturas bizarras encontradas em áreas mais profundas do oceano

Segundo cientistas, esta lesma-do-mar é o provavelmente parte de uma nova espécie

Mulher encontra criatura rara em praia na Austrália | RedeTV! Em rede com você.

Mulher encontra criatura rara em praia na Austrália

Mulher encontra criatura rara em praia na Austrália | RedeTV! Em rede com você.

Fotossíntese animal lesma-do-mar

Lesma-do-mar fofa é um dos únicos animais que pode fazer fotossíntese

Fotossíntese animal lesma-do-mar

Fotossíntese animal lesma-do-mar

Lesma-do-mar fofa é um dos únicos animais que pode fazer fotossíntese

Fotossíntese animal lesma-do-mar

Quero Saber - Uma ovelha? Não, é uma lesma-do-mar

Quero Saber - Uma ovelha? Não, é uma lesma-do-mar

Fotossíntese animal lesma-do-mar

Lesma-do-mar fofa é um dos únicos animais que pode fazer fotossíntese

Fotossíntese animal lesma-do-mar

Lesma do mar

Lesma do mar

O ‘Glaucus atlanticus‘ é uma espécie de lesma do mar azul, um molusco marinho da família Glaucidae. O tamanho fica entre 5 e 8 cm de comprimento. Tem um corpo afilado, que é achatado e tem seis apêndices que se ramificam em raios. Esse azul é na verdade a parte de baixo do bicho. Esta espécie flutua de cabeça para baixo sobre a tensão superficial do oceano graças ao saco de gás que possui no estômago. A parte de cima desta espécie é completamente cinza.

Curiosidades sobre os Animais

O ‘Glaucus atlanticus‘ é uma espécie de lesma do mar azul, um molusco marinho da família Glaucidae. O tamanho fica entre 5 e 8 cm de comprimento. Tem um corpo afilado, que é achatado e tem seis apêndices que se ramificam em raios. Esse azul é na verdade a parte de baixo do bicho. Esta espécie flutua de cabeça para baixo sobre a tensão superficial do oceano graças ao saco de gás que possui no estômago. A parte de cima desta espécie é completamente cinza.

Pinterest
Pesquisar