Pinterest • O catálogo de ideias do mundo todo

Narrador Personagem

O NARRADOR Narrador-personagem participa dos fatos e é também uma das personagens. Narrador-observador não participa da hi...

Construído de forma original, com 156 capítulos curtos, A passagem tensa dos corpos trata de um tema consagrado, a morte, com uma abordagem e ambientação surpreendentes. O narrador-personagem, percorrer cidades e registrar as mortes que encontra pelo caminho. Numa dessas localidades, há um morto insepulto, cuja família não parece disposta a velar ou enterrar. O cadáver é mantido amarrado à cadeira na mesa da sala

1

Áudio Livro - Sanderlei: José de Alencar - Diva - Capítulo 14

Áudio Livro - Sanderlei: José de Alencar - Diva - Capítulo 06

Áudio Livro - Sanderlei: José de Alencar - Diva - Capítulo 11

No Sense of Reason: Coleccionar Recordações "Cada objecto conta uma história. Do processo de fabrico, à origem do material, das mãos que por ele passam, até ao momento em que é comprado. Cada objecto tem a sua história, mas é também ele uma personagem nas vidas dos seus donos. Um narrador omnisciente de breves instantes. Um ícone de um certo local. Uma recordação de um momento."

Olhares do avesso: Quem é o narrador? (resenha) "Divididos em atos passeamos pelas personalidades de personagens da nossa história por uma Londres lúgubre, suja, sexual e repleta de ..." "Divided into acts we strolled the characters personalities of our history by a London dismal, dirty, sexual and full of ..." #resenha #review #leia #ler #read #reading #leitura #book #livro #blog #blogger #olharesdoavesso

"A imaginação é a personagem predominante do livro. Por não ter vivenciado as histórias, o narrador vale-se de grande criatividade para criar as situações vividas pelo irmão perdido."

de CAPRICHO

22 coisas que só quem é nerd consegue entender

"Round One. Fight!": leu a frase com a voz do narrador de Street Fighter.

Publicado em 1881, “Memórias póstumas de Brás Cubas” é um dos mais famosos romances de Machado de Assis, um marco na literatura brasileira. Narrado por um defunto autor, uma voz irônica que se dirige constantemente ao leitor, a trama começa com o enterro de Brás Cubas, passa por seus delírios, volta à infância do personagem e, de forma nada linear, traz para o centro da cena vários episódios da vida desse excêntrico narrador.

3
1