O NARRADOR Narrador-personagem participa dos fatos e é também uma das personagens. Narrador-observador não participa da hi...

O NARRADOR Narrador-personagem participa dos fatos e é também uma das personagens. Narrador-observador não participa da hi...

Construído de forma original, com 156 capítulos curtos, A passagem tensa dos corpos trata de um tema consagrado, a morte, com uma abordagem e ambientação surpreendentes.  O narrador-personagem,  percorrer cidades e registrar as mortes que encontra pelo caminho. Numa dessas localidades, há um morto insepulto, cuja família não parece disposta a velar ou enterrar. O cadáver é mantido amarrado à cadeira na mesa da sala

Construído de forma original, com 156 capítulos curtos, A passagem tensa dos corpos trata de um tema consagrado, a morte, com uma abordagem e ambientação surpreendentes. O narrador-personagem, percorrer cidades e registrar as mortes que encontra pelo caminho. Numa dessas localidades, há um morto insepulto, cuja família não parece disposta a velar ou enterrar. O cadáver é mantido amarrado à cadeira na mesa da sala

"A imaginação é a personagem predominante do livro. Por não ter vivenciado as histórias, o narrador vale-se de grande criatividade para criar as situações vividas pelo irmão perdido."

"A imaginação é a personagem predominante do livro. Por não ter vivenciado as histórias, o narrador vale-se de grande criatividade para criar as situações vividas pelo irmão perdido."

Olhares do avesso: Quem é o narrador? (resenha) "Divididos em atos passeamos pelas personalidades de personagens da nossa história por uma Londres lúgubre, suja, sexual e repleta de ..." "Divided into acts we strolled the characters personalities of our history by a London dismal, dirty, sexual and full of ..." #resenha #review #leia #ler #read #reading #leitura #book #livro #blog #blogger #olharesdoavesso

Olhares do avesso: Quem é o narrador? (resenha) "Divididos em atos passeamos pelas personalidades de personagens da nossa história por uma Londres lúgubre, suja, sexual e repleta de ..." "Divided into acts we strolled the characters personalities of our history by a London dismal, dirty, sexual and full of ..." #resenha #review #leia #ler #read #reading #leitura #book #livro #blog #blogger #olharesdoavesso

No Sense of Reason: Coleccionar Recordações "Cada objecto conta uma história. Do processo de fabrico, à origem do material, das mãos que por ele passam, até ao momento em que é comprado. Cada objecto tem a sua história, mas é também ele uma personagem nas vidas dos seus donos. Um narrador omnisciente de breves instantes. Um ícone de um certo local. Uma recordação de um momento."

No Sense of Reason: Coleccionar Recordações "Cada objecto conta uma história. Do processo de fabrico, à origem do material, das mãos que por ele passam, até ao momento em que é comprado. Cada objecto tem a sua história, mas é também ele uma personagem nas vidas dos seus donos. Um narrador omnisciente de breves instantes. Um ícone de um certo local. Uma recordação de um momento."

O público pode esperar uma narrativa violenta, que se desdobra não só na mente do narrador, mas, principalmente, na língua, revelando pequenos detalhados de crimes cometidos pelo próprio personagem, que só pensa em satisfazer seus desejos, sem a interferência de uma moral que ponha freio em seus instintos.

Ator se banha no palco enquanto conta violentas histórias em espetáculo

O público pode esperar uma narrativa violenta, que se desdobra não só na mente do narrador, mas, principalmente, na língua, revelando pequenos detalhados de crimes cometidos pelo próprio personagem, que só pensa em satisfazer seus desejos, sem a interferência de uma moral que ponha freio em seus instintos.

(!965) O Coronel e O Lobisomem - José Cândido de Carvalho: O personagem Ponciano de Azeredo Furtado, narrador-coronel do título, é daqueles que fazem o leitor esquecer-se de que estão lendo um romance. Passamos a acreditar que ele realmente existe, que se trata de um homem de carne e osso, um ser vivo, tal como nós. 'Homem que é homem duas coisas de principal deve ter- barba grande e voz grossa. O charuto é para espantar o povinho dos empréstimos', descreve-se o coronel. [...]

(!965) O Coronel e O Lobisomem - José Cândido de Carvalho: O personagem Ponciano de Azeredo Furtado, narrador-coronel do título, é daqueles que fazem o leitor esquecer-se de que estão lendo um romance. Passamos a acreditar que ele realmente existe, que se trata de um homem de carne e osso, um ser vivo, tal como nós. 'Homem que é homem duas coisas de principal deve ter- barba grande e voz grossa. O charuto é para espantar o povinho dos empréstimos', descreve-se o coronel. [...]

Pixar oferece curso online gratuito e em português para amantes de animação - Guia da Semana

Pixar oferece curso online gratuito e em português para amantes de animação

Pixar oferece curso online gratuito e em português para amantes de animação - Guia da Semana

"Round One. Fight!": leu a frase com a voz do narrador de Street Fighter.

22 coisas que só quem é nerd consegue entender

"Round One. Fight!": leu a frase com a voz do narrador de Street Fighter.

Gran narrador, José Luis Serzo

Gran narrador, José Luis Serzo

Pinterest
Pesquisar