Pinterest • O catálogo de ideias do mundo todo
de HypeScience

10 Plantas muito esquisitas do nosso planeta

Euphorbia obese Esta planta “gorducha” é originária da região do sul da África e é protegida por legislações nacionais e internacionais. Ela corre risco de extinção em seu habitat natural, mas cresce com facilidade em cultivos comerciais.

90
18

A arara-azul-grande, também chamada arara-jacinto, araraúna, arara-preta, araruna ou simplesmente arara-azul é uma ave da família Psittacidae que vive nos biomas da Floresta Amazônica e principalmente no do Cerrado e Pantanal. Essa espécie está ameaçada de extinção, sendo que as outras espécies de araras-azuis já foram extintas na natureza.

171
28
1

animais-em-extincao-passaro-soldadinho-do-araripe-nordeste-brasileiro

56
9
de Planeta Sustent�vel

A incrível biodiversidade da Mata Atlântica preservada, em fotos

Fêmea de araçari-poca (Selenidera maculirostris) enquanto se alimenta dos coquinhos do palmito-juçara (Euterpe edulis), palmeira ameaçada de extinção: http://abr.ai/1uFJipP

40
8

Jequitibá Cariniana estrellensis

38
2

CORYPHANTHA werdermannii - Поиск в Google

Tillandsia Thiekenii é nativa do Brasil. Ela é uma das muitas espécimes raras brasileiras e sua ocorrência se dá em um único local, o Morro do Coco no Rio de Janeiro. Se encontra inscrita na CITES por estar em perigo de extinção em seu hab...

141
17

<strong>Nome científico:</strong> <em>Jacaranda mimosifolia</em> <br><strong>Parte da planta:</strong> Visão Geral

7
1

JUQUIRIOBA (Solanum alternopinatum)- Frutifica nos meses de fevereiro a novembro. Os frutos são muito bonitos e também agradáveis para o consumo in-natura, pois seu sabor tem gosto de suco de maracujá. As folhas jovens podem ser consumidas in-natura em saladas, sopas ou refogadas após retirada dos espinhos da nervura central. A polpa também serve para fazer doces e sucos. A planta pode ser cultivada como ornamental e precisa ser protegida, pois corre o risco de extinção na natureza.

2

Animais-em-extincao-sapo-do-rio-pescado-localizacao-sudoeste-do-equador

3