O realismo do processo de mumificação levou quatro horas para ser feito pelo maquiador Vavá Torres, que utilizou látex e algodão

PHOTOS - O realismo do processo de mumificação levou quatro horas para ser feito pelo maquiador Vavá Torres, que utilizou látex e algodão

O realismo do processo de mumificação levou quatro horas para ser feito pelo maquiador Vavá Torres, que utilizou látex e algodão

EGIPTOLOGIA - Curso de Egiptologia geral, com conteúdo extenso com cerca de 255 paginas em arquivo anexo. Mitologia egipcia, hicsos, egito, estrutura de piramide, egiptologos, alfabeto egipcio, dinastias, deuses egipcios, israel no egito, lista de faraós, processo de mumificação, arqueologia no egito, museu do cairo,

EGIPTOLOGIA - Curso de Egiptologia geral, com conteúdo extenso com cerca de 255 paginas em arquivo anexo. Mitologia egipcia, hicsos, egito, estrutura de piramide, egiptologos, alfabeto egipcio, dinastias, deuses egipcios, israel no egito, lista de faraós, processo de mumificação, arqueologia no egito, museu do cairo,

Processo de mumificação Chinchorro, cultura mais velha do planeta, no deserto de Atacama. A técnica mais antiga (5000 a 3000 a.C.) era chamada de mumificação preta. A partir de 3000 a.C., o manganês preto foi substituído pelo ocre vermelho, chamada de mumificação vermelha. A terceira e última técnica, a partir de 2000 a.C. era cobrir todo o corpo com uma espessa camada de argila, areia e cola de peixe. O corpo era conservado intacto, mantendo-se, inclusive, os órgãos internos.

Processo de mumificação Chinchorro, cultura mais velha do planeta, no deserto de Atacama. A técnica mais antiga (5000 a 3000 a.C.) era chamada de mumificação preta. A partir de 3000 a.C., o manganês preto foi substituído pelo ocre vermelho, chamada de mumificação vermelha. A terceira e última técnica, a partir de 2000 a.C. era cobrir todo o corpo com uma espessa camada de argila, areia e cola de peixe. O corpo era conservado intacto, mantendo-se, inclusive, os órgãos internos.

As múmias são cadáveres embalsamados por algumas sociedades que acreditam no retorno do espírito ao corpo.   Tal processo, chamado de mumificação, tem como fim preservar o corpo para a recepção do "espírito".  Os antigos egípcios tinham o costume de embalsamar os seus faraós. Todos os órgãos eram retirados e os cadáveres eram enrolados em uma espécie de bandagem.  Os órgãos internos retirados das múmias eram armazenados em vasos canopticos.  Os faraós eram enterrados com todos os seus bens.

Curiosidades do Egito

As múmias são cadáveres embalsamados por algumas sociedades que acreditam no retorno do espírito ao corpo. Tal processo, chamado de mumificação, tem como fim preservar o corpo para a recepção do "espírito". Os antigos egípcios tinham o costume de embalsamar os seus faraós. Todos os órgãos eram retirados e os cadáveres eram enrolados em uma espécie de bandagem. Os órgãos internos retirados das múmias eram armazenados em vasos canopticos. Os faraós eram enterrados com todos os seus bens.

Coração: entre os 3 centros espirituais e vitais do ser humano esse é considerado aquele que equilibra os dois outros, cérebro e sexo. É o símbolo maior do Amor. Era a única víscera mantida no interior do corpo durante o processo de mumificação dos egípcios por ser considerado indispensável à conquista da eternidade. Quem usa um coração mantém acesa a chama do Amor, do carinho, do afeto.

Coração: entre os 3 centros espirituais e vitais do ser humano esse é considerado aquele que equilibra os dois outros, cérebro e sexo. É o símbolo maior do Amor. Era a única víscera mantida no interior do corpo durante o processo de mumificação dos egípcios por ser considerado indispensável à conquista da eternidade. Quem usa um coração mantém acesa a chama do Amor, do carinho, do afeto.

São raras as ocasiões em que aparece representado sob a forma totalmente humana, tal como se vê, por exemplo, na capela do templo de Ramsés II em Abidos. A cor de sua face é invariavelmente negra, o que se especula ser uma referência à cor do cadáver em meio ao processo de mumificação.

São raras as ocasiões em que aparece representado sob a forma totalmente humana, tal como se vê, por exemplo, na capela do templo de Ramsés II em Abidos. A cor de sua face é invariavelmente negra, o que se especula ser uma referência à cor do cadáver em meio ao processo de mumificação.

BBC - History - Ancient History in depth: Mummy Maker. Fun online process

BBC - History - Ancient History in depth: Mummy Maker. Fun online process

Cleopatra, Queen of Egypt. Born Cleopatra VII Philopator   69 BC Alexandria, Egypt. Died  12 August 30 BC (aged 38–39)   Alexandria, Egypt

How Cleopatra Ruled Egypt and Captivated 2 Powerful Roman Leaders

Cleopatra, Queen of Egypt. Born Cleopatra VII Philopator 69 BC Alexandria, Egypt. Died 12 August 30 BC (aged 38–39) Alexandria, Egypt

Cat mummies from ancient Egypt. Cats were thought to represent the goddess, Bastet. From 332 B.C. to 30 B.C. animals were raised for the specific purpose of being mummified.  They were sold to people on the way to worship a god, as an offering to be left at their temple.

Cat mummies from ancient Egypt. Cats were thought to represent the goddess, Bastet. From 332 B.C. to 30 B.C. animals were raised for the specific purpose of being mummified. They were sold to people on the way to worship a god, as an offering to be left at their temple.

Os Dez Mandamentos - Simut tenta fugir de Yunet e quebra estátua do faraó #Fotos, #OsDezMandamentos, #Record http://popzone.tv/os-dez-mandamentos-simut-tenta-fugir-de-yunet-e-quebra-estatua-do-farao/

Os Dez Mandamentos – Simut tenta fugir de Yunet e quebra estátua do faraó

Os Dez Mandamentos - Simut tenta fugir de Yunet e quebra estátua do faraó #Fotos, #OsDezMandamentos, #Record http://popzone.tv/os-dez-mandamentos-simut-tenta-fugir-de-yunet-e-quebra-estatua-do-farao/

Inside Ancient Egypt Houses | This stunning Egyptian harp was one of many musical instruments for ...

Inside Ancient Egypt Houses | This stunning Egyptian harp was one of many musical instruments for ...

Pinterest
Pesquisar