E se teimar em criar, ela morde!
Seu gato adora caixas, morde seu braço com a mesma intensidade que o lambe, é folgado, passeia na frente do monitor do computador, deita em cima do livro que você está lendo e dorme em cima de você, sem nem ao menos pedir licença. Mas todos os gatos são assim, encantadoramente intrometidos. Para provar isso, a designer Manu Cunhas criou o li...
Como estamos na "Era Digital", foi necessário rever os velhos ditados existentes e adaptá-los à nova realidade. 1. A pressa é inimiga da conexão. 2. Amigos, amigos, senhas à parte. 3. A arquivo dado não se olha o formato. 4. Diga-me que chat frequentas e te direi quem és. 5. Para bom provedor uma senha basta. 6. Não adianta chorar sobre arquivo deletado. 7. Em briga de namorados virtuais não se mete o mouse. 8. Hacker que ladra não morde. 9. Mais vale um arquivo no HD do
Seu gato adora caixas, morde seu braço com a mesma intensidade que o lambe, é folgado, passeia na frente do monitor do computador, deita em cima do livro que você está lendo e dorme em cima de você, sem nem ao menos pedir licença. Mas todos os gatos são assim, encantadoramente intrometidos. Para provar isso, a designer Manu Cunhas criou o livro
Seu gato adora caixas, morde seu braço com a mesma intensidade que o lambe, é folgado, passeia na frente do monitor do computador, deita em cima do livro que você está lendo e dorme em cima de você, sem nem ao menos pedir licença. Mas todos os gatos são assim, encantadoramente intrometidos. Para provar isso, a designer Manu Cunhas criou o livro
Seu gato adora caixas, morde seu braço com a mesma intensidade que o lambe, é folgado, passeia na frente do monitor do computador, deita em cima do livro que você está lendo e dorme em cima de você, sem nem ao menos pedir licença. Mas todos os gatos são assim, encantadoramente intrometidos. Para provar isso, a designer Manu Cunhas criou o livro
Esta divertida história, escrita pelo autor de O Hobbit, é ambientada no vale do Tâmisa, na Inglaterra, num passado maravilhoso e distante, quando ainda existiam gigantes e dragões. Seu herói, Mestre Gil, é na realidade um fazendeiro totalmente desprovido de heroísmo, mas que, graças à boa sorte e à ajuda do cachorro Garm, da égua cinzenta e da espada mágica Caudimordax (ou Morde-cauda), amansa o dragão Chrysophylax e ganha enorme fortuna.
Seu gato adora caixas, morde seu braço com a mesma intensidade que o lambe, é folgado, passeia na frente do monitor do computador, deita em cima do livro que você está lendo e dorme em cima de você, sem nem ao menos pedir licença. Mas todos os gatos são assim, encantadoramente intrometidos. Para provar isso, a designer Manu Cunhas criou o livro
Start reading O OUTRO LADO DO ESPELHO /Welington Almeida Pinto/ BRASIL. Enjoy:  amazon.com/dp/B00PB72TP6  Realismo Mágico da Literatura Brasileira Conto de Welington Almeida Pinto, produzido numa linguagem, especialmente, para o seu aparelho de mídia virtual com apuro técnico e atenção ao discurso. Dá vontade de ler? Então leia. Todo bom texto provoca alterações no corpo e na cabeça de quem lê, principalmente, quando agrega dentro das palavras sabores inusitados. Intelligence is sexy. A…
Cork initial wall art
Pinterest
Pesquisar