Coisas de Terê -  Fernando Pessoa

Coisas de Terê - Fernando Pessoa

“E existem aquelas pessoas que por mais distantes  que estejam, ainda continuam  perto. Aquelas que, passe o tempo que passar, serão sempre  lembradas por algo que fizeram,  falaram, mostraram, pelo que..  nos fizeram sentir. É isso… As  pessoas são lembradas pelos sentimentos que despertaram  em nós E quanto maior o sentimento, maior se torna a pessoa.”        — Caio Fernando Abreu

“E existem aquelas pessoas que por mais distantes que estejam, ainda continuam perto. Aquelas que, passe o tempo que passar, serão sempre lembradas por algo que fizeram, falaram, mostraram, pelo que.. nos fizeram sentir. É isso… As pessoas são lembradas pelos sentimentos que despertaram em nós E quanto maior o sentimento, maior se torna a pessoa.” — Caio Fernando Abreu

A Hora Do Poema; Fernando Pessoa | Literatortura

A Hora Do Poema; Fernando Pessoa

A Hora Do Poema; Fernando Pessoa | Literatortura

A Morte Chega Cedo - Poema de Fernando Pessoa

A Morte Chega Cedo - Poema de Fernando Pessoa

Poema do Amigo Aprendiz. Fernando Pessoa.                                                                                                                                                                                 Mais

Poema do Amigo Aprendiz. Fernando Pessoa. Mais

Eu sinto ciúme quando alguém te abraça, porque por um segundo essa pessoa está segurando meu mundo inteiro.

Eu sinto ciúme quando alguém te abraça, porque por um segundo essa pessoa está segurando meu mundo inteiro.

<p></p><p>Gosto de pessoas que admitem o erro, falam que estão com saudade e deixam de lado o orgulho. Gosto de gente que sabe dar valor ao que tem, que faz por merecer e não finge ser o que não é…</p>

Você recebeu uma mensagem...

<p></p><p>Gosto de pessoas que admitem o erro, falam que estão com saudade e deixam de lado o orgulho. Gosto de gente que sabe dar valor ao que tem, que faz por merecer e não finge ser o que não é…</p>

Poesia de Florbela Espanca

Florbela Espanca

Poesia de Florbela Espanca

Saudade. Fernando Pessoa

Saudade. Fernando Pessoa

"Eu gosto de olhos que sorriem, de gestos que se desculpam, de toques que sabem conversar e de silêncios que se declaram." ~Machado de Assis

"Eu gosto de olhos que sorriem, de gestos que se desculpam, de toques que sabem conversar e de silêncios que se declaram." ~Machado de Assis

Pinterest
Pesquisar