Vida Suculenta: Saiba como fazer seu próprio substrato para Suculentas e Cactos

Vida Suculenta: Saiba como fazer seu próprio substrato para Suculentas e Cactos

Vida Suculenta: Saiba como fazer seu próprio substrato para Suculentas e Cactos

Vida Suculenta: Saiba como fazer seu próprio substrato para Suculentas e Cactos

Gloxinia, reprodução e cuidados. Dê uma folha de uma planta, cortada em fragmentos, cada fragmento preparamos substrato  naturalmente fazer os buracos copo para drenagem, colocar em um copo menor de água pingando. Para estufas pode levar o bolo de embalagem, caixa de plástico, ou apenas um saco. Gloxinia não muito exigentes, necessitam o máximo de luz, calor e umidade. Os três componentes que darão resultado. Cerca de um mês, esperar o enraizamento. Enraizado mudas, podem plantar.

Gloxinia, reprodução e cuidados. Dê uma folha de uma planta, cortada em fragmentos, cada fragmento preparamos substrato naturalmente fazer os buracos copo para drenagem, colocar em um copo menor de água pingando. Para estufas pode levar o bolo de embalagem, caixa de plástico, ou apenas um saco. Gloxinia não muito exigentes, necessitam o máximo de luz, calor e umidade. Os três componentes que darão resultado. Cerca de um mês, esperar o enraizamento. Enraizado mudas, podem plantar.

Orquidea no Carvao - Acelerando a Adptacao - YouTube

Orquidea no Carvao - Acelerando a Adptacao - YouTube

4. Vaso auto irrigável: O vaso auto irrigável é uma ótima opção para quem fica pouco tempo em casa e acaba esquecendo de cuidar das plantinhas. Seu principio é bem simples, basicamente se coloca um pavio (barbante de algodão) passando pela boca da garrafa, que liga a água ao substrato. A água segue pelo pavio por capilaridade e hidrata a terra, consequentemente a planta.

4. Vaso auto irrigável: O vaso auto irrigável é uma ótima opção para quem fica pouco tempo em casa e acaba esquecendo de cuidar das plantinhas. Seu principio é bem simples, basicamente se coloca um pavio (barbante de algodão) passando pela boca da garrafa, que liga a água ao substrato. A água segue pelo pavio por capilaridade e hidrata a terra, consequentemente a planta.

Thumb Aprenda a plantar RABO-DE-BURRO,é coisa linda!!!!

Aprenda a plantar RABO-DE-BURRO,é coisa linda

Thumb Aprenda a plantar RABO-DE-BURRO,é coisa linda!!!!

Como-adubar-corretamente-as-orquídeas?

Orquídeas - Como cultivá-las passo a passo

Como-adubar-corretamente-as-orquídeas?

Adubos caseiro: Casca de ovo ( pó) Os ovos fornecem uma fonte rica em cálcio e potássio. Dão um fantástico adubo caseiro. Secar as cascas e esmaga-las até fazer pó (c/ o almofariz).Depois é só aplicar o pó no substrato, ou na terra em volta da planta. A medida é de 5 cascas de ovo por cada planta.  Casca de ovo (liquido) - Ferva 20 cascas em 3 l de água durante alguns minutos, deixe as cascas em infusão por 8 horas. Deixe arrefecer, retire as casas de ovo, guarde no frigorífico.

Adubos caseiro: Casca de ovo ( pó) Os ovos fornecem uma fonte rica em cálcio e potássio. Dão um fantástico adubo caseiro. Secar as cascas e esmaga-las até fazer pó (c/ o almofariz).Depois é só aplicar o pó no substrato, ou na terra em volta da planta. A medida é de 5 cascas de ovo por cada planta. Casca de ovo (liquido) - Ferva 20 cascas em 3 l de água durante alguns minutos, deixe as cascas em infusão por 8 horas. Deixe arrefecer, retire as casas de ovo, guarde no frigorífico.

ROSA DO DESERTO - SUBSTRATO - FAÇA O SEU

ROSA DO DESERTO - SUBSTRATO - FAÇA O SEU

Delicadas e coloridas, as orquídeas são uma das plantas mais comercializadas no país. Apesar de serem preferência nacional, na hora do cultivo há quem as considere indecifráveis. Baseie-se nas dicas a seguir para manter seus exemplares sempre saudáveis

Dicas para cuidar das orquídeas

Delicadas e coloridas, as orquídeas são uma das plantas mais comercializadas no país. Apesar de serem preferência nacional, na hora do cultivo há quem as considere indecifráveis. Baseie-se nas dicas a seguir para manter seus exemplares sempre saudáveis

Pinterest
Pesquisar