O mascote da Copa, o tatu-bola ("Tolypeutes tricinctus"), é classificado como "em perigo de extinção" desde 2013. Segundo escala usada pela IUCN, o risco de extinção do mamífero, que já era considerado alto, passa a ser considerado muito alto. A vice-presidente do grupo de pesquisa sobre Xenartros (tatus, tamanduás e preguiças) da IUCN, a brasileira Flávia Miranda, que participou do levantamento do ICMBio, disse que a espécie perdeu mais de 50% de seu habitat nos últimos dez anos

Conheça animais ameaçados de extinção no planeta

O mascote da Copa, o tatu-bola ("Tolypeutes tricinctus"), é classificado como "em perigo de extinção" desde 2013. Segundo escala usada pela IUCN, o risco de extinção do mamífero, que já era considerado alto, passa a ser considerado muito alto. A vice-presidente do grupo de pesquisa sobre Xenartros (tatus, tamanduás e preguiças) da IUCN, a brasileira Flávia Miranda, que participou do levantamento do ICMBio, disse que a espécie perdeu mais de 50% de seu habitat nos últimos dez anos

Conheça e Preserve: Tatu, o mamífero de armadura

Conheça e Preserve: Tatu, o mamífero de armadura

Podendo chegar a 50 quilos e medir 1,2 metro de comprimento,  o tatu-canastra (Priodontes maximus) é o maior membro de sua família (Dasypodidae). Possui garras enormes que usa para cavar buracos em busca de formigas, cupins.  A espécie é visada por caçadores devido ao seu grande porte. O desmatamento é outra ameaça ao mamífero. Status na IUCN (União Internacional para a Conservação da Natureza, na sigla em inglês): espécie vulnerável

Podendo chegar a 50 quilos e medir 1,2 metro de comprimento, o tatu-canastra (Priodontes maximus) é o maior membro de sua família (Dasypodidae). Possui garras enormes que usa para cavar buracos em busca de formigas, cupins. A espécie é visada por caçadores devido ao seu grande porte. O desmatamento é outra ameaça ao mamífero. Status na IUCN (União Internacional para a Conservação da Natureza, na sigla em inglês): espécie vulnerável

Conhecido na argentina como tatu Pichiciego-menor é o mamífero mais raro do mundo, e nunca foi nem se quer filmado, existem apenas algumas imagens de exemplares empalhados.StrangeAnimals9

21 animais que você não imaginava que existiam de verdade

Conhecido na argentina como tatu Pichiciego-menor é o mamífero mais raro do mundo, e nunca foi nem se quer filmado, existem apenas algumas imagens de exemplares empalhados.StrangeAnimals9

Tatu-galinha

Tatu-galinha

Sumatran Tiger (2)

Sumatran Tiger (2)

Para explicar a estranha aparência do aardvark, é possível dizer que ele é uma mistura de um coelho, um porco e um tatu. Com orelhas grandes, nariz achatado e garras fortes esse mamífero procura por formigas e cupins nas savanas da África

Para explicar a estranha aparência do aardvark, é possível dizer que ele é uma mistura de um coelho, um porco e um tatu. Com orelhas grandes, nariz achatado e garras fortes esse mamífero procura por formigas e cupins nas savanas da África

Chlamyphorus truncatus. Espécie de tatu do gênero Chlamyphorus. São os menores tatus do mundo e uma rara espécies de mamífero da América do Sul, encontrado no subterrâneo das planícies da Argentina. Os pichiciegos-menores permanecem em suas tocas durante o dia, saindo à noite para alimentar-se. Sua dieta é composta principalmente de formigas, e também de larvas de insetos, minhocas, raízes e outras partes de plantas. Hábeis cavadores, enterram-se em questão de segundos.

Chlamyphorus truncatus. Espécie de tatu do gênero Chlamyphorus. São os menores tatus do mundo e uma rara espécies de mamífero da América do Sul, encontrado no subterrâneo das planícies da Argentina. Os pichiciegos-menores permanecem em suas tocas durante o dia, saindo à noite para alimentar-se. Sua dieta é composta principalmente de formigas, e também de larvas de insetos, minhocas, raízes e outras partes de plantas. Hábeis cavadores, enterram-se em questão de segundos.

TATU - ou ARMADILHO em Portugal, é um mamífero de hábitos nocturnos. Ficam, de dia nas tocas que escavam no solo com suas fortes unhas. Caracteriza-se pela armadura que cobre o corpo. PARA SE DEFENDER DE PREDADORES ENROLA-SE, FICANDO NUMA BOLA (tatu bola).Há várias espécies. COME pequenos insetos (formigas, cupins, besouros e suas larvas),  pequenos invertebrados, raízes, alguns vegetais e frutos.

TATU - ou ARMADILHO em Portugal, é um mamífero de hábitos nocturnos. Ficam, de dia nas tocas que escavam no solo com suas fortes unhas. Caracteriza-se pela armadura que cobre o corpo. PARA SE DEFENDER DE PREDADORES ENROLA-SE, FICANDO NUMA BOLA (tatu bola).Há várias espécies. COME pequenos insetos (formigas, cupins, besouros e suas larvas), pequenos invertebrados, raízes, alguns vegetais e frutos.

tatu

tatu

Pinterest
Pesquisar