Pinterest • O catálogo de ideias do mundo todo
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pedirá, nos próximos dias, aberturas de inquérito no Supremo Tribunal Federal contra os principais articuladores do golpe parlamentar de 2016, que depôs a presidente eleita Dilma Rousseff; o senador Aécio Neves (PSDB-MG), que foi delatado por ter pedido e recebido R$ 9 milhões pelo caixa dois da Odebrecht, será investigado pelo esquema de propinas na construção da Cidade Administrativa de Minas Gerais; o também senador José Serra (PSDB-SP) por…

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pedirá, nos próximos dias, aberturas de inquérito no Supremo Tribunal Federal contra os principais articuladores do golpe parlamentar de 2016, que depôs a presidente eleita Dilma Rousseff; o senador Aécio Neves (PSDB-MG), que foi delatado por ter pedido e recebido R$ 9 milhões pelo caixa dois da Odebrecht, será investigado pelo esquema de propinas na construção da Cidade Administrativa de Minas Gerais; o também senador José Serra (PSDB-SP) por…

Tribunal Do JúRi

Tribunal Do JúRi

Tribunal Do JúRi

Tribunal Do JúRi

Tribunal Do JúRi

Tribunal Do JúRi

Tribunal Do JúRi

Tribunal Do JúRi

| Recurso Extraordinário 635.659/SP | Nesse mês de setembro de 2016 completa um ano o pedido de vista do ministro Teori Zavascki no RE 635.659/SP, interposto pela Defensoria Pública de São Paulo, que trata da descriminalização do porte de entorpecentes para uso próprio. O recurso conta com a participação de diversas entidades da sociedade civil envolvidas em questões sobre drogas e que trouxeram representatividade e legitimidade para a discussão travada no Supremo Tribunal Federal.

| Recurso Extraordinário 635.659/SP | Nesse mês de setembro de 2016 completa um ano o pedido de vista do ministro Teori Zavascki no RE 635.659/SP, interposto pela Defensoria Pública de São Paulo, que trata da descriminalização do porte de entorpecentes para uso próprio. O recurso conta com a participação de diversas entidades da sociedade civil envolvidas em questões sobre drogas e que trouxeram representatividade e legitimidade para a discussão travada no Supremo Tribunal Federal.

Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin determinou o arquivamento relativo a abertura de investigações contra os ministros das relações Exteriores, José Serra, da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, e da senadora Marta Suplicy (PMDB-SP); arquivamento foi pedido pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que disse não ver elementos que justificassem a abertura das investigações por improbidade administrativa durante suas administrações à…

Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin determinou o arquivamento relativo a abertura de investigações contra os ministros das relações Exteriores, José Serra, da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, e da senadora Marta Suplicy (PMDB-SP); arquivamento foi pedido pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que disse não ver elementos que justificassem a abertura das investigações por improbidade administrativa durante suas administrações à…

Marco Feliciano reafirma que africanos são amaldiçoados. O pastor argumentou que essa maldição tem sido curada com a conversão de africanos ao cristianismo, aos “caminhos do Senhor” Em defesa protocolada no STF (Supremo Tribunal Federal), o deputado Marco Feliciano (PSC-SP) reafirmou que paira sobre os africanos uma maldição divina e procurou justificar a fala com …

Marco Feliciano reafirma que africanos são amaldiçoados. O pastor argumentou que essa maldição tem sido curada com a conversão de africanos ao cristianismo, aos “caminhos do Senhor” Em defesa protocolada no STF (Supremo Tribunal Federal), o deputado Marco Feliciano (PSC-SP) reafirmou que paira sobre os africanos uma maldição divina e procurou justificar a fala com …

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, manifestou-se favorável à condenação por peculato (desvio de dinheiro público) do deputado federal e apresentador de tevê Celso Russomanno (PRB-SP). A manifestação de Janot se deu nos autos do processo contra o deputado no Supremo Tribunal Federal (STF). Se a Corte acatar as considerações do procurador-geral até agosto, prazo para registro das candidaturas, Russomanno não poderá disputar a Prefeitura de São Paulo nas eleições de 2016.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, manifestou-se favorável à condenação por peculato (desvio de dinheiro público) do deputado federal e apresentador de tevê Celso Russomanno (PRB-SP). A manifestação de Janot se deu nos autos do processo contra o deputado no Supremo Tribunal Federal (STF). Se a Corte acatar as considerações do procurador-geral até agosto, prazo para registro das candidaturas, Russomanno não poderá disputar a Prefeitura de São Paulo nas eleições de 2016.

Além do desgaste político, tendência no TSE é manter eleito em disputa majoritária Brasília - A possível mudança da senadora Marta Suplicy (PT-SP) para outro partido não deve resultar na perda de mandato da petista. A avaliação é de ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e do Supremo Tribunal Federal, consultados pelo Estado. Apesar de…

Além do desgaste político, tendência no TSE é manter eleito em disputa majoritária Brasília - A possível mudança da senadora Marta Suplicy (PT-SP) para outro partido não deve resultar na perda de mandato da petista. A avaliação é de ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e do Supremo Tribunal Federal, consultados pelo Estado. Apesar de…