A justiça tem numa das mãos a balança em que pesa o direito, e na outra a espada de que se serve para o defender. A espada sem a balança é a força brutal, a balança sem a espada é a impotência do direito. (Rudolf von Ihering)

A justiça tem numa das mãos a balança em que pesa o direito, e na outra a espada de que se serve para o defender. A espada sem a balança é a força brutal, a balança sem a espada é a impotência do direito. (Rudolf von Ihering)


Mais ideias
Posso não concordar com uma só palavra sua, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-lá. (Voltaire)

Posso não concordar com uma só palavra sua, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-lá. (Voltaire)

De tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantar-se o poder nas mãos dos maus, o homem chega a rir-se da honra, desanimar-se de justiça e ter vergonha de ser honesto. (Rui Barbosa)

De tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantar-se o poder nas mãos dos maus, o homem chega a rir-se da honra, desanimar-se de justiça e ter vergonha de ser honesto. (Rui Barbosa)

11012683_1069227396426448_5103105180457359258_n.png (650×650)

11012683_1069227396426448_5103105180457359258_n.png (650×650)

Pinterest
Pesquisar