Ikaro Nobre

Ikaro Nobre

Caras como eu Estão ficando raros Como cabelos ralos Que se partem e caem pelo chão Caras como eu Estão tirando o pé Andando em marcha-re Com medo de e