carvalho
Mais ideias de carvalho
A cobertura da varanda que dá para os fundos do terreno leva pilares de eucalipto, vigas comuns de madeira (6 x 6 cm e 6 x 12 cm) e taquaras de bambu (colhidas no terreno). Por cima, telhas onduladas de plástico incolor. “Custou um quinto do que sairia se eu usasse ripas de madeira e chapas de policarbonato”, estima o arquiteto Luiz Junqueira.

A cobertura da varanda que dá para os fundos do terreno leva pilares de eucalipto, vigas comuns de madeira (6 x 6 cm e 6 x 12 cm) e taquaras de bambu (colhidas no terreno). Por cima, telhas onduladas de plástico incolor. “Custou um quinto do que sairia se eu usasse ripas de madeira e chapas de policarbonato”, estima o arquiteto Luiz Junqueira.

Editorial Trancoso: Temporada sabática na Bahia (Foto: Marco Antonio) O living traz mesa de centro assinada pelo Vida de Vila, abajur do ceramista Gabriel Calazans, espelho executado pela Marcenaria do Dati e tapete da Zarif

Editorial Trancoso: Temporada sabática na Bahia (Foto: Marco Antonio) O living traz mesa de centro assinada pelo Vida de Vila, abajur do ceramista Gabriel Calazans, espelho executado pela Marcenaria do Dati e tapete da Zarif

Neste caminho o deck foi construído com réguas de bambu gigante autoclavadas, com 6 cm de largura, instaladas sobre estrutura de madeira. O pergolado também recebeu estrutura de madeira e almas de bambu, que ajudam a criar um jogo de sombra e luz no local. As almas de bambu são compostas por um bambu roliço passado entre duas serras, deixando aparentes os vãos entre os nós.

Neste caminho o deck foi construído com réguas de bambu gigante autoclavadas, com 6 cm de largura, instaladas sobre estrutura de madeira. O pergolado também recebeu estrutura de madeira e almas de bambu, que ajudam a criar um jogo de sombra e luz no local. As almas de bambu são compostas por um bambu roliço passado entre duas serras, deixando aparentes os vãos entre os nós.