COMO INTERPRETAR OS DESENHOS DAS CRIANÇAS Sem perceber, no momento de desenhar, a criança transporta para o papel seu estado anímico, em todos os detalhes. É por isso que os desenhos das crianças permitem-nos incrementar consideravelmente nossos dados sobre o seu temperamento, caráter, personalidade e necessidades. Os desenhos ajudam-nos também a descobrir e a reconhecer as diferentes etapas pelas quais a criança está atravessando, os seus problemas e dificuldades, assim como os seus…

COMO INTERPRETAR OS DESENHOS DAS CRIANÇAS

COMO INTERPRETAR OS DESENHOS DAS CRIANÇAS Sem perceber, no momento de desenhar, a criança transporta para o papel seu estado anímico, em todos os detalhes. É por isso que os desenhos das crianças permitem-nos incrementar consideravelmente nossos dados sobre o seu temperamento, caráter, personalidade e necessidades. Os desenhos ajudam-nos também a descobrir e a reconhecer as diferentes etapas pelas quais a criança está atravessando, os seus problemas e dificuldades, assim como os seus…

Histórias Infantis,Livros Infantis,Historinhas,Abacate,Gentileza,Curtas,Aprendizagem,Caio,Linguagem

Com o intuito de fortalecer o debate sobre alguns temas que constituem verdadeiros dilemas para professorxs, mães e pais diante das discriminações sofridas por crianças negras de diferentes idades …

12 LIVROS INFANTIS PARA TRABALHAR RELAÇÕES RACIAIS NA ESCOLA

Com o intuito de fortalecer o debate sobre alguns temas que constituem verdadeiros dilemas para professorxs, mães e pais diante das discriminações sofridas por crianças negras de diferentes idades …

DONA BARATINHA Dona Baratinha achou uma moeda e pensou que, estando rica, poderia se casar. Então, se arrumou e foi para a janela procurar um noivo. Muitos candidatos apareceram; o boi, o gato, o cachorro, mas o ratinho foi o escolhido. A noiva chegou na igreja, mas o ratinho não apareceu. Ela acabou desistindo do casamento. O noivo? De tão guloso, tinha caído na panela de feijão. Dona Baratinha resolveu pegar o dinheiro e se divertir.

DONA BARATINHA Dona Baratinha achou uma moeda e pensou que, estando rica, poderia se casar. Então, se arrumou e foi para a janela procurar um noivo. Muitos candidatos apareceram; o boi, o gato, o cachorro, mas o ratinho foi o escolhido. A noiva chegou na igreja, mas o ratinho não apareceu. Ela acabou desistindo do casamento. O noivo? De tão guloso, tinha caído na panela de feijão. Dona Baratinha resolveu pegar o dinheiro e se divertir.

Resultado de imagem para critérios avaliação educação pré escolar

Resultado de imagem para critérios avaliação educação pré escolar

Pinterest
Pesquisar