Geraldo Barbosa

Geraldo Barbosa

Geraldo Barbosa
More ideas from Geraldo
PREGANDO A  VERDADE: ESTÁ CONSUMADO.

PREGANDO A VERDADE: ESTÁ CONSUMADO.

PREGANDO A  VERDADE: SETE MOTIVOS NO SALMO 119 PARA LER E ESTUDAR A BÍB...

PREGANDO A VERDADE: SETE MOTIVOS NO SALMO 119 PARA LER E ESTUDAR A BÍB...

PREGANDO A  VERDADE: A PARÁBOLA DO JUIZ INÍQUO.

PREGANDO A VERDADE: A PARÁBOLA DO JUIZ INÍQUO.

PREGANDO A  VERDADE: A PARÁBOLA DO JUIZ INÍQUO.

PREGANDO A VERDADE: A PARÁBOLA DO JUIZ INÍQUO.

PREGANDO A  VERDADE: UM MILAGRE QUE CONTRARIOU A CIÊNCIA DOS HOMENS.Eliseu lançou um pedaço de pau na água e fez flutuar o ferro. Não há como explicar este acontecimento sem reconhecer o poder de Deus efetuado por meio do profeta. O Deus que criou a lei da gravidade, é também o Deus que quebra a lei e faz o machado flutuar acima das águas, contrariando a ciência dos homens. O milagre serviu para mostrar o cuidado e a provisão de Deus para aqueles que confiam nEle. Mesmo nos acontecimentos…

PREGANDO A VERDADE: UM MILAGRE QUE CONTRARIOU A CIÊNCIA DOS HOMENS.Eliseu lançou um pedaço de pau na água e fez flutuar o ferro. Não há como explicar este acontecimento sem reconhecer o poder de Deus efetuado por meio do profeta. O Deus que criou a lei da gravidade, é também o Deus que quebra a lei e faz o machado flutuar acima das águas, contrariando a ciência dos homens. O milagre serviu para mostrar o cuidado e a provisão de Deus para aqueles que confiam nEle. Mesmo nos acontecimentos…

PREGANDO A  VERDADE: UM MILAGRE QUE CONTRARIOU A CIÊNCIA DOS HOMENS.

PREGANDO A VERDADE: UM MILAGRE QUE CONTRARIOU A CIÊNCIA DOS HOMENS.

PREGANDO A  VERDADE: UM MILAGRE QUE CONTRARIOU A CIÊNCIA DOS HOMENS.

PREGANDO A VERDADE: UM MILAGRE QUE CONTRARIOU A CIÊNCIA DOS HOMENS.

PREGANDO A  VERDADE: A Identidade do Espírito Santo.

PREGANDO A VERDADE: A Identidade do Espírito Santo.

PREGANDO A  VERDADE: A Identidade do Espírito Santo.

PREGANDO A VERDADE: A Identidade do Espírito Santo.

PREGANDO A  VERDADE: ESPERA NO SENHOR.

PREGANDO A VERDADE: ESPERA NO SENHOR.