Pinterest • O catálogo de ideias do mundo todo

Explore Livro Sagrado, Outras Fontes e muito mais!

A burca é uma veste feminina que cobre todo o corpo, até o rosto e os olhos, porém nos olhos há uma rede para se poder enxergar. É usada pelas mulheres do Afeganistão e do Paquistão, em áreas próximas à fronteira com o Afeganistão. Ela é um símbolo do Talibã.O seu uso deve-se ao facto de muitos muçulmanos acreditarem que o livro sagrado islâmico, o Alcorão, e outras fontes de estudos, como Hádice e Suna, exigem a homens e mulheres que se vistam e comportem modestamente em público.

Nesse inverno, aposte em acessórios para valorizar seu look.

de catview

Estilo

Kate Moss nasceu em 16 de janeiro de 1974, em Londres. Sua infância foi agitada, já que era uma menina de comportamento temperamental. Má aluna, ela bebia e fumava com apenas 12 anos. Aos 14, foi descoberta por uma agência de modelos e desfilou para John Galliano e se tornou o rosto da Calvin Klein. Kate passou a ser, assim, um ícone da moda dos anos 90. Com uma vida regada a sexo, drogas e rock and roll, ela teve diversas relações conflituosas, uma delas com Johnny Depp, que durou 3 anos.

Vogue; Revista fundada nos Estados Unidos em 1892 como semanário de moda, destinado às mulheres de sociedade.Em 1909, a Vogue foi comprada por Condé Nast, tornando-se quinzenal em 1910. A Vogue britânica foi encampada pela americana em 1916.Seguiram-se as edições da França ,Austrália, Espanha e Alemanha, embora na Espanha durasse apenas de 1918 a 1920 e na Alemanha sobrevivesse durante poucos números, em 1928.

Calça legging: Calça justa de malha. Desde a Idade Média, os leggings são empregados como proteção contra o frio. Foram usados por crianças e jovens desde meados do século seguinte. Na década de80, surgiram como peça de moda, principalmente em preto, mas também em cores vivas e estampas, sendo rapidamente adotado como vestimenta para o lazer.

Tweed: Do inglês, tecido rústico de lã, com vários padrões e cores. O nome se originou de River Tweed, centro cooperativista de tecelagens escocesas. Inicialmente um tecido tipicamente masculino, logo ganhou espaço no vestuário das mulheres, especialmente no inverno, compondo tailleurs, vestidos, terninhos.

Foulard: É uma écharpe ou lenço, em geral de seda leve estampada, usado em volta do pescoço. O foulard em trajes masculinos substitui a gravata. Complementa e adorna quando usado com o colarinho aberto, sem abotoar.

Vestido Coquetel: Os coquetéis, invenção dos americanos, tornaram-se populares na década de 20. O vestido de coquetel, também usado para um jantar, baniu para sempre o vestido de chá, ou vestido da tarde. Era curto (ia até os joelhos ou abaixo deles), geralmente confeccionado de lã, cetim, seda, veludo e outros tecidos luxuosos; podia ter bordados ou outros adornos e frequentemente revelava os ombros e os braços. Uma das formas desse vestido, baseado nas linhas simples da camisa íntima…

Quimono: Peca típica japonesa, usada tanto por homens como por mulheres, absorvida pela cultura ocidental no final do século XIX. De modelagem simplificada, é uma espécie de robe de mangas longas e amplas, transpassado, de abertura e decote em V debruados no mesmo tecido, atado ao corpo por uma faixa na cintura. Poré m, em carregado de simbolismos da ancestral cultura ocidental – expressõ es inclusive nos motivos bordados ou…

rabo-de-peixe: Diz- se de um estilo de vestido, tipo sereia, superjusto, que se abre a partir dos joelhos e termina em uma leve cauda arredondada.