Pinterest • O catálogo de ideias do mundo todo

Explore Licença Vou, Próprio Ego e muito mais!

Deselegante é ser desonesto e maldoso! E não, ela nunca gostou de mim, não era paixão. amor?? menos ainda.... um romance inventado sabe-se la por quem.. fake asqueroso, escrito e engenhosamente calculado.. Com embasamento em usar a minha pessoa como alavanca para uma posição do próprio ego mais "elevada". (Com licença, vou ali vomitar e não volto) . Att Daiana

Deselegante é ser desonesto e maldoso! E não, ela nunca gostou de mim, não era paixão. amor?? menos ainda.... um romance inventado sabe-se la por quem.. fake asqueroso, escrito e engenhosamente calculado.. Com embasamento em usar a minha pessoa como alavanca para uma posição do próprio ego mais "elevada". (Com licença, vou ali vomitar e não volto) . Att Daiana

Intervenção urbana por olheosmuros: Qual é o nome da sua saudade?

Se eu posso te dar um conselho, eis aqui: Não mendigue atenção de quem quer que seja. Não se esforce para compartilhar minutos com quem está mais interessado em coisas que não te incluem. Não prolongue a conversa apenas para ter o ouro por perto, quando você perceber que precisa se esforçar bastante para que o monólogo vire diálogo. Esqueça. Prefira a sua solidão genuína à pseudo presença de qualquer pessoa... (Mario Calfat Neto)

que toda pessoa que não me quer bem encontre a paz, o amor e a alegria de viver, e assim, repleto de felicidade, não encontre mais tempo nem vontade de me querer o mal!

"Você sabe que alguém te ama não pelo que ele fala, mas pelo o que ele faz. O amor não sobrevive de teorias."

Poster Frase Eu quero mais musica - Comprar em Decor10

Ningué é obrigado a nos conhecer por dentro. Além disso, tem o que a gente é, a imagem que a gente passa e o que os outros concluem dela. Não quero que soe petulante o que vou dizer, mas nem faço muita questão que as pessoas me conheçam a fundo. Tem gente que não merece o nosso coração aberto. Certas pessoas não precisam conhecer nossa alma. Porque elas nem vão saber o que fazer com tanta informação. - Clarisse Correâ