Explore Literatura Brasileira, Melhor Da e muito mais!

Explorar tópicos relacionados

SALOMÃO LARÊDO: É O MELHOR DA LITERATURA BRASILEIRA a que produzim...

SALOMÃO LARÊDO: É O MELHOR DA LITERATURA BRASILEIRA a que produzim...

Ariano Suassuna

Ariano Suassuna

CHAPEUZINHO AMARELO                                                                                                                                                     Mais

CHAPEUZINHO AMARELO Mais

Bando de Lampião fotografado por Benjamin Abrahão - Cangaço - Nordeste - Brasil

Bando de Lampião fotografado por Benjamin Abrahão - Cangaço - Nordeste - Brasil

O escritor João Guimarães Rosa fotografado por Eugenio Silva para a revista “O Cruzeiro”, durante a viagem de dez dias pelo sertão, em 1952, acompanhando um grupo de vaqueiros que levava uma boiada de uma fazenda a outra, em um percurso de 240 quilômetros. A travessia de Guimarães Rosa seguindo os vaqueiros resultaria, anos mais tarde, no livro "Grande Sertão: Veredas". Veja também: http://semioticas1.blogspot.com.br/2013/09/o-cruzeiro-nos-bastidores.html

O escritor João Guimarães Rosa fotografado por Eugenio Silva para a revista “O Cruzeiro”, durante a viagem de dez dias pelo sertão, em 1952, acompanhando um grupo de vaqueiros que levava uma boiada de uma fazenda a outra, em um percurso de 240 quilômetros. A travessia de Guimarães Rosa seguindo os vaqueiros resultaria, anos mais tarde, no livro "Grande Sertão: Veredas". Veja também: http://semioticas1.blogspot.com.br/2013/09/o-cruzeiro-nos-bastidores.html

"Um País que tinha tudo para dar errado... e, no entanto, deu certo!"    A tão esperada e comentada continuação do best seller 1808 acabou saindo um livro até melhor que o antecessor. É claro que 1808 tinha um certo ineditismo e surpreendeu com sua abordagem "reportagem histórica", mas o enredo em si, em 1822 é mais interessante, ao menos para o leitor brasileiro. Não que não deva ser interessante para leitores do outro lado do Atlântico lusófono, mas o ensino de história...

"Um País que tinha tudo para dar errado... e, no entanto, deu certo!" A tão esperada e comentada continuação do best seller 1808 acabou saindo um livro até melhor que o antecessor. É claro que 1808 tinha um certo ineditismo e surpreendeu com sua abordagem "reportagem histórica", mas o enredo em si, em 1822 é mais interessante, ao menos para o leitor brasileiro. Não que não deva ser interessante para leitores do outro lado do Atlântico lusófono, mas o ensino de história...

Cora Coralina,escritora brasileira.

Cora Coralina,escritora brasileira.

Clarice Lispector

Clarice Lispector

Divulgação

Divulgação

Tarsila do Amaral e Oswald de Andrade em 1928. Veja também…

Tarsila do Amaral e Oswald de Andrade em 1928. Veja também…

Pinterest
Pesquisar