Explore Empregos, Pessoas e muito mais!

Explorar tópicos relacionados

Troika destruiu 500.000 empregos  Segundo o Boletim Económico verão 2013 do Banco de Portugal, com o memorando da troika Portugal já perdeu cerca de meio milhão de empregos. Este ano, Portugal terá menos pessoas empregadas do que em 1960. Em 2014 a situação ainda deve piorar. O desemprego atingirá este ano proporções dramaticamente gigantescas em Portugal. E a destruição [...]

Troika destruiu 500.000 empregos Segundo o Boletim Económico verão 2013 do Banco de Portugal, com o memorando da troika Portugal já perdeu cerca de meio milhão de empregos. Este ano, Portugal terá menos pessoas empregadas do que em 1960. Em 2014 a situação ainda deve piorar. O desemprego atingirá este ano proporções dramaticamente gigantescas em Portugal. E a destruição [...]

Como eu realmente: Passeios pelo lado meio esquisito da nossa imaginação.

Como eu realmente: Passeios pelo lado meio esquisito da nossa imaginação.

Humortalha - Comunidade - Google+

Humortalha - Comunidade - Google+

Passos Coelho não quer independentes como deputados na Assembleia da República - Ironia d'Estado

Passos Coelho não quer independentes como deputados na Assembleia da República - Ironia d'Estado

Cinco sinais de que deve mudar de emprego - Ironia d'Estado

Cinco sinais de que deve mudar de emprego - Ironia d'Estado

Banco de Portugal: Economia portuguesa destrói emprego e corta salários - Ironia d'Estado

Banco de Portugal: Economia portuguesa destrói emprego e corta salários - Ironia d'Estado

Os pagamentos em atraso estão a acelerar falências e a aumentar o desemprego - Ironia d'Estado

Os pagamentos em atraso estão a acelerar falências e a aumentar o desemprego - Ironia d'Estado

Governo admite acabar com as reformas dos políticos - Ironia d'Estado

Governo admite acabar com as reformas dos políticos - Ironia d'Estado

Investimento de 200 milhões criará 3 mil empregos na economia social

Investimento de 200 milhões criará 3 mil empregos na economia social

Portugal criaria 120.000 empregos se pagamentos a fornecedores fossem efetuados dentro dos prazos

Portugal criaria 120.000 empregos se pagamentos a fornecedores fossem efetuados dentro dos prazos

Pinterest
Pesquisar