Explore Leve, Hibisco e muito mais!

Explorar tópicos relacionados

Mais duas sem copo próprio da Bier Vila. Uma Container Bakerloo a esquerda e uma Itajahy Serena Hibiscus a direita. A primeira, uma EPA, quase escura, leve, carbonatada, cremosa, malte e lúpulo sem exagero, uma ale refrescante, sem pretensões. A segunda, uma trippel temperada, sem aroma, encorpadinha, bem maltada e saborosa, pouco lupulada. Simpática mas nada impressionante.

Mais duas sem copo próprio da Bier Vila. Uma Container Bakerloo a esquerda e uma Itajahy Serena Hibiscus a direita. A primeira, uma EPA, quase escura, leve, carbonatada, cremosa, malte e lúpulo sem exagero, uma ale refrescante, sem pretensões. A segunda, uma trippel temperada, sem aroma, encorpadinha, bem maltada e saborosa, pouco lupulada. Simpática mas nada impressionante.

Mais uma Xingú. Essa vermelhinha, mais suave, amargo na medida certa, docinho acentuado.

Mais uma Xingú. Essa vermelhinha, mais suave, amargo na medida certa, docinho acentuado.

Opa Bier Belgian Blond Ale

Opa Bier Belgian Blond Ale

Muito semelhante à Brahma Extra Lager, mais bronzeada, e com o malte ou alguma outra coisa que dá um gostinho sutilmente diferente. No mais tudo igual, corpo, espuma, textura, amargor, retrogosto. Também dá pra tomar algumas.

Muito semelhante à Brahma Extra Lager, mais bronzeada, e com o malte ou alguma outra coisa que dá um gostinho sutilmente diferente. No mais tudo igual, corpo, espuma, textura, amargor, retrogosto. Também dá pra tomar algumas.

Scarliga

Scarliga

Itália,Italy

Diz o rótulo "Tropical Ale", nunca ouvi falar mas vamos à análise sensorial. Cor média, corpo leve, espuma efêmera, um suave aroma de buffet de churrascaria, um malte fraquinho, nem lembro de que mas até um pouco salgado, um amargor meio palha e um retrogosto médio. Ou seja, bem mixuruca e de Ale não tem nada.

Diz o rótulo "Tropical Ale", nunca ouvi falar mas vamos à análise sensorial. Cor média, corpo leve, espuma efêmera, um suave aroma de buffet de churrascaria, um malte fraquinho, nem lembro de que mas até um pouco salgado, um amargor meio palha e um retrogosto médio. Ou seja, bem mixuruca e de Ale não tem nada.

Maleficum Porter

Maleficum Porter

Cerveja Maleficum Porter, estilo Porter, produzida por Cervejaria Três Seis, Brasil. ABV de álcool.

Daquelas que se denominam Pilsner injustamente. Corpinho mínimo, zero de amargor, na verdade quase doce, e apesar de indicar 4,9°, voce sente o alcool claramente. Ou seja, uma merda. P.S.: A segunda que tomei me pareceu menos horrorosa, não sei porque.

Daquelas que se denominam Pilsner injustamente. Corpinho mínimo, zero de amargor, na verdade quase doce, e apesar de indicar 4,9°, voce sente o alcool claramente. Ou seja, uma merda. P.S.: A segunda que tomei me pareceu menos horrorosa, não sei porque.

Cerveja Arteiros Red Ale, estilo Irish Red Ale, produzida por  Cervejaria Caseira, Brasil. 6% ABV de álcool.

Arteiros Red Ale

Cerveja Arteiros Red Ale, estilo Irish Red Ale, produzida por Cervejaria Caseira, Brasil. 6% ABV de álcool.

O rótulo desta Opa teve algum problema técnico, mas o conteúdo sobreviveu. Cor média, corpo leve, espuma não muito persistente, malte normal, lúpulo intenso, talvez não o mais delicioso mas adequado. Retrogosto médio. É dificil comentar essas IPAs nacionais, são parecidas e saborosas.

O rótulo desta Opa teve algum problema técnico, mas o conteúdo sobreviveu. Cor média, corpo leve, espuma não muito persistente, malte normal, lúpulo intenso, talvez não o mais delicioso mas adequado. Retrogosto médio. É dificil comentar essas IPAs nacionais, são parecidas e saborosas.

Pinterest
Pesquisar