Pinterest • O catálogo de ideias do mundo todo

Explore Rotina De, De Bebê e muito mais!

de UOL Notícias

Morte de bebê indígena em Santa Catarina expõe rotina de descaso

Em julho, os caingangues do oeste de Santa Catarina vão trocar a festa do terceiro aniversário de Vitor Pinto por um rito em homenagem aos mortos. Até lá, ...

de mulher.uol.com.br

Chanel fará desfile de coleção feminina em Cuba em maio de 2016

Karl Lagerfeld, diretor artístico da Chanel, disse nesta terça-feira que Coco Chanel "teria odiado" seu trabalho. Ele estava na abertura de uma exposi...

de UOL Notícias

Como uma missão humanitária salvou milhares de dinamarqueses da morte em campos de concentração

Durante a infância e a adolescência, a memória mais forte do historiador dinamarquês Hans Sode-Madsen era a do silêncio opressivo que pairava em sua casa, ...

A arte do tatuador Ucraniano Dmitriy Samohin

de Internacional

Alemanha reintroduz controles de fronteira diante de fluxo de refugiados

O ministro alemão do Interior, Thomas de Maiziere, anunciou neste domingo a reintrodução provisória de controles nas fronteiras para "conter o fluxo d...

tatuagem da santa da morte - Pesquisa Google

de UOL Notícias

Imagens do dia - 12 de outubro de 2015

O Taleban afegão divulgou uma foto rara do mulá Omar, ex-líder do grupo, em 1978, quando ele era estudante religioso em Kandahar. É a única imagem conhecida do mulá Omar, que comandou os talibãs até sua morte, antes de ele perder seu olho direito em um combate. Visto em público pela última vez em 2001, Omar morreu há mais de dois anos, mas ela só foi confirmada pelo grupo terrorista no último mês de julho. Seu posto de liderança no Taleban foi assumido pelo mulá Mansour

tatuagem da santa da morte - Pesquisa Google

de UOL Notícias

Navio com 5.000 bois afunda no Pará

Corpos de bois que morreram afogados após o navio cargueiro onde estavam afundar na cidade de Barcarena, na Pará, aparecem boiando em foto divulgada neste domingo (11). A operação para limpar o rio Pará e retirar a carga e os resíduos do navio "Haidar", de bandeira libanesa, deve durar cerca de seis meses