Explore Litoral, Nome e muito mais!

Explorar tópicos relacionados

Nome popular da espécie: Trinta réis-de-coroa-branca. Nome cientifico da espécie: Sternatrudeovi. Família: Sternidae. Tamanho na fase adulta:35 centímetros Cor: Faixa pós-ocular negra, pernas vermelhas e bico de ponta amarelada. Alimentação: Alimenta-se de pequenos peixes e lulas. Ambiente encontrado: Visitante do sul, comum nos banhados litorâneos do Rio Grande do Sul no verão, atinge esporadicamente o litoral de São Paulo e do Rio de Janeiro. Reprodução: Fazem ninhos em áreas baixas.

Nome popular da espécie: Trinta réis-de-coroa-branca. Nome cientifico da espécie: Sternatrudeovi. Família: Sternidae. Tamanho na fase adulta:35 centímetros Cor: Faixa pós-ocular negra, pernas vermelhas e bico de ponta amarelada. Alimentação: Alimenta-se de pequenos peixes e lulas. Ambiente encontrado: Visitante do sul, comum nos banhados litorâneos do Rio Grande do Sul no verão, atinge esporadicamente o litoral de São Paulo e do Rio de Janeiro. Reprodução: Fazem ninhos em áreas baixas.

Nome popular da espécie: Trinta-réis-boreal ou Andorinha do Mar. Nome cientifico da espécie: Sterna Hirundo. Família: Sternidae. Tamanho: de 33 a 38 cm de comprimento. Cor: uma mancha preta na cabeça, bico vermelho com extremidade negra. O corpo cinzento claro e branco. Alimentação: insetos, camarões, caranguejinhos e pequenos animais marinhos. Ambiente encontrado: Espécie migrante do hemisfério norte, presente no Brasil apenas como visitante. Reprodução: dois a três ovos, diretamente no…

Nome popular da espécie: Trinta-réis-boreal ou Andorinha do Mar. Nome cientifico da espécie: Sterna Hirundo. Família: Sternidae. Tamanho: de 33 a 38 cm de comprimento. Cor: uma mancha preta na cabeça, bico vermelho com extremidade negra. O corpo cinzento claro e branco. Alimentação: insetos, camarões, caranguejinhos e pequenos animais marinhos. Ambiente encontrado: Espécie migrante do hemisfério norte, presente no Brasil apenas como visitante. Reprodução: dois a três ovos, diretamente no…

Frango-d'Água Comum (Gallinula chloropus)

Frango-d'Água Comum (Gallinula chloropus)

Nome popular da espécie: Socozinho. Nome cientifico da espécie: Butorides striatus. Família: Ardeidae. Tamanho: mede 36 cm de comprimento. Cor: Plumagem de cor cinzento-clara na barriga e cinzento-azul na parte superior. Alimentação: peixes, insetos, crustáceos, moluscos e pequenos sapos. Ambiente encontrado: manguezais, lagoas, brejos e outras áreas alagadas. Reprodução: o ninho solitário ou em pequenas colônias é construído pelo casal a base de gravetos, sobre arbusto ou árvore.

Nome popular da espécie: Socozinho. Nome cientifico da espécie: Butorides striatus. Família: Ardeidae. Tamanho: mede 36 cm de comprimento. Cor: Plumagem de cor cinzento-clara na barriga e cinzento-azul na parte superior. Alimentação: peixes, insetos, crustáceos, moluscos e pequenos sapos. Ambiente encontrado: manguezais, lagoas, brejos e outras áreas alagadas. Reprodução: o ninho solitário ou em pequenas colônias é construído pelo casal a base de gravetos, sobre arbusto ou árvore.

Biguá (Phalacrocorax brasilianus)

Biguá (Phalacrocorax brasilianus)

Gaivota (Larus dominicanus)

Gaivota (Larus dominicanus)

Nome popular da espécie: Garça-branca-pequena. Nome cientifico da espécie: Egretta thula. Família: Ardeidai. Tamanho na fase adulta: 48,0 cm. Cor: Branca com bico e as pernas negros. Alimentação: peixes e invertebrados aquáticos. Ambiente encontrado: borda de lagos, rios, banhados e nas praias à beira-mar. Reprodução: o casal constrói uma plataforma de galhos secos sobre uma árvore, geralmente próxima à água e a alguns metros do solo.

Nome popular da espécie: Garça-branca-pequena. Nome cientifico da espécie: Egretta thula. Família: Ardeidai. Tamanho na fase adulta: 48,0 cm. Cor: Branca com bico e as pernas negros. Alimentação: peixes e invertebrados aquáticos. Ambiente encontrado: borda de lagos, rios, banhados e nas praias à beira-mar. Reprodução: o casal constrói uma plataforma de galhos secos sobre uma árvore, geralmente próxima à água e a alguns metros do solo.

Nome popular da espécie: ximango Nome cientifico da espécie: milvago chimango Família: falconidae Tamanho na fase adulta: 37 a 43 cm Cor: penas marrons com franjas mais claras. Parte inferior das asas totalmente castanhas. Alimentação: carniça e animais feridos e doentes. Ambiente encontrado: extremo sul do Brasil ( especialmente no inverno) em toda Argentina, Chile e Uruguai e em regiões do Paraguai e da Bolívia. Reprodução: Constroem ninhos sobre a vegetação. Dois a três ovos.

Nome popular da espécie: ximango Nome cientifico da espécie: milvago chimango Família: falconidae Tamanho na fase adulta: 37 a 43 cm Cor: penas marrons com franjas mais claras. Parte inferior das asas totalmente castanhas. Alimentação: carniça e animais feridos e doentes. Ambiente encontrado: extremo sul do Brasil ( especialmente no inverno) em toda Argentina, Chile e Uruguai e em regiões do Paraguai e da Bolívia. Reprodução: Constroem ninhos sobre a vegetação. Dois a três ovos.

Nome popular da espécie: cisne-de-pescoço-preto. Nome cientifico da espécie: Cygnus melanocoryphus. Família: anatidae. Tamanho na fase adulta:1 m de comprimento. Cor: plumagem totalmente branca, com o pescoço e a cabeça negros. Alimentação: vegetais e invertebrados aquáticos. Ambiente encontrado: Habita lagos, lagunas e pântanos e sua área de ocorrência é o sul da América do Sul. Reprodução: O ninho é construído pelo casal. Põe de dois a cinco ovos que eclodem após 35 dias de incubação.

Nome popular da espécie: cisne-de-pescoço-preto. Nome cientifico da espécie: Cygnus melanocoryphus. Família: anatidae. Tamanho na fase adulta:1 m de comprimento. Cor: plumagem totalmente branca, com o pescoço e a cabeça negros. Alimentação: vegetais e invertebrados aquáticos. Ambiente encontrado: Habita lagos, lagunas e pântanos e sua área de ocorrência é o sul da América do Sul. Reprodução: O ninho é construído pelo casal. Põe de dois a cinco ovos que eclodem após 35 dias de incubação.

Brasil Preservação Ambiental  Cardeal-do-nordeste (Paroaria dominicana). O cardeal-do-nordeste é uma ave passeriforme da família Thraupidae. É conhecido também como galo-da-campina, cabeça-de-fita e cabeça-vermelha. Em Pernambuco é conhecido como galo-de-campina. Habita mata baixa rala e bem ensolarada (caatinga); beira de rios (cerrado). Um dos pássaros mais típicos do interior do Nordeste do Brasil.

Brasil Preservação Ambiental Cardeal-do-nordeste (Paroaria dominicana). O cardeal-do-nordeste é uma ave passeriforme da família Thraupidae. É conhecido também como galo-da-campina, cabeça-de-fita e cabeça-vermelha. Em Pernambuco é conhecido como galo-de-campina. Habita mata baixa rala e bem ensolarada (caatinga); beira de rios (cerrado). Um dos pássaros mais típicos do interior do Nordeste do Brasil.

Pinterest
Pesquisar