Explore Palavras, Foi e muito mais!

Explorar tópicos relacionados

António Vítor Ramos Rosa (1924-2013) foi empregado de escritório,  tradutor e professor, mas foi a sua poesia a marcar o país.

António Vítor Ramos Rosa (1924-2013) foi empregado de escritório, tradutor e professor, mas foi a sua poesia a marcar o país.

António Ramos Rosa - Não posso adiar o Amor

António Ramos Rosa - Não posso adiar o Amor

Pinterest
Pesquisar