Explore Goiás Filha, Era Filha e muito mais!

Explorar tópicos relacionados

Isabel Maria de Alcântara Brasileira, Duquesa de Goias, 1843, casada com  Ernesto José João Fischler von Treuberg, Conde von Treuberg e Barão von Holsen. Era filha de D. Pedro I , com sua amante a Marquesa de Santos

Isabel Maria de Alcântara Brasileira, Duquesa de Goias, 1843, casada com Ernesto José João Fischler von Treuberg, Conde von Treuberg e Barão von Holsen. Era filha de D. Pedro I , com sua amante a Marquesa de Santos

A Marquesa de Santos, primeira paulista a abalar o Brasil

A Marquesa de Santos, primeira paulista a abalar o Brasil

Maria Isabel de Alcântara Bourbon (São Paulo, 28 de fevereiro de 1830 – São Paulo, de setembro de 1896) foi a quinta e última filha do imperador imperador D. Pedro I do Brasil e de sua amante, Domitília de Castro e Canto Melo, a marquesa de Santos. https://pt.wikipedia.org/wiki/Maria_Isabel_de_Alcântara_Bourbon

Maria Isabel de Alcântara Bourbon (São Paulo, 28 de fevereiro de 1830 – São Paulo, de setembro de 1896) foi a quinta e última filha do imperador imperador D. Pedro I do Brasil e de sua amante, Domitília de Castro e Canto Melo, a marquesa de Santos. https://pt.wikipedia.org/wiki/Maria_Isabel_de_Alcântara_Bourbon

Tarsila do Amaral foi uma pintora e desenhista brasileira e uma das figuras centrais da pintura brasileira e da primeira fase do movimento modernista brasileiro, ao lado de Anita Malfatti. Wikipédia Nascimento: 1 de setembro de 1886, Capivari, São Paulo Falecimento: 17 de janeiro de 1973, São Paulo, São Paulo Educação: Academia Julian Cônjuge: Oswald de Andrade (de 1926 a 1930) Tarsila-do-Amaral1.jpg (450×500)

Tarsila do Amaral foi uma pintora e desenhista brasileira e uma das figuras centrais da pintura brasileira e da primeira fase do movimento modernista brasileiro, ao lado de Anita Malfatti. Wikipédia Nascimento: 1 de setembro de 1886, Capivari, São Paulo Falecimento: 17 de janeiro de 1973, São Paulo, São Paulo Educação: Academia Julian Cônjuge: Oswald de Andrade (de 1926 a 1930) Tarsila-do-Amaral1.jpg (450×500)

Machado de Assis em 1890, no Rio de Janeiro, fotografado por Marc Ferrez. Bruxo do Cosme Velho. Homem do subterrâneo. Um mestre na periferia do capitalismo. São muitos os modos de se refererir a Machado de Assis. Negro pobre em 1800 no Rio de Janeiro, Poliglota! Embranqueceram ele em algumas propagandas e imagens por aí, como naquele comercial comédia da Caixa Econômica... Que inclusive teve que ser refeita depois. Joaquim Maria Machado de Assis, Salve

Machado de Assis em 1890, no Rio de Janeiro, fotografado por Marc Ferrez. Bruxo do Cosme Velho. Homem do subterrâneo. Um mestre na periferia do capitalismo. São muitos os modos de se refererir a Machado de Assis. Negro pobre em 1800 no Rio de Janeiro, Poliglota! Embranqueceram ele em algumas propagandas e imagens por aí, como naquele comercial comédia da Caixa Econômica... Que inclusive teve que ser refeita depois. Joaquim Maria Machado de Assis, Salve

S.A.I. Imperatriz Amelia do Brazil

S.A.I. Imperatriz Amelia do Brazil

Machado de Assis (Joaquim Maria Machado de Assis), jornalista, contista, cronista, romancista, poeta e teatrólogo, nasceu no Rio de Janeiro, RJ, em 21 de junho de 1839, e faleceu também no Rio de Janeiro, em 29 de setembro de 1908. É o fundador da Cadeira nº. 23 da Academia Brasileira de Letras. Velho amigo e admirador de José de Alencar, que morrera cerca de vinte anos antes da fundação da ABL, era natural que Machado escolhesse o nome do autor de O Guarani para seu patrono.

Machado de Assis (Joaquim Maria Machado de Assis), jornalista, contista, cronista, romancista, poeta e teatrólogo, nasceu no Rio de Janeiro, RJ, em 21 de junho de 1839, e faleceu também no Rio de Janeiro, em 29 de setembro de 1908. É o fundador da Cadeira nº. 23 da Academia Brasileira de Letras. Velho amigo e admirador de José de Alencar, que morrera cerca de vinte anos antes da fundação da ABL, era natural que Machado escolhesse o nome do autor de O Guarani para seu patrono.

File:Franz Xaver Winterhalter - Retrato de D. Amélia de Leuchtenberg. Amélia de Lenchtenberg.JPG Empress of Brazil

File:Franz Xaver Winterhalter - Retrato de D. Amélia de Leuchtenberg. Amélia de Lenchtenberg.JPG Empress of Brazil

Maria da Assunção de Bragança (Queluz, 25 de Junho de 1805 – Santarém, 7 de Janeiro de 1834) foi uma bastarda reconhecida de D. João VI, e D. Carlota Joaquina de Bourbon. Maria da Assunção foi fruto das famosas ligações adúlteras de sua mãe, D. Carlota Joaquina de Bourbon, com os seus amantes e criados.

Maria da Assunção de Bragança (Queluz, 25 de Junho de 1805 – Santarém, 7 de Janeiro de 1834) foi uma bastarda reconhecida de D. João VI, e D. Carlota Joaquina de Bourbon. Maria da Assunção foi fruto das famosas ligações adúlteras de sua mãe, D. Carlota Joaquina de Bourbon, com os seus amantes e criados.

Carlota Joaquina Teresa Cayetana de Borbón y Borbón-Parma (Aranjuez, 25 de…

Carlota Joaquina Teresa Cayetana de Borbón y Borbón-Parma (Aranjuez, 25 de…

Pinterest • O catálogo de ideias do mundo todo
Search