Explore 7 Partidas, Da Povoa e muito mais!

As 7 Partidas do Mundo Paulo de Cantos 1938 Soc. Grafica da Povoa

As 7 Partidas do Mundo Paulo de Cantos 1938 Soc. Grafica da Povoa

As 7 Partidas do Mundo Paulo de Cantos 1938 Soc. Grafica da Povoa

As 7 Partidas do Mundo Paulo de Cantos 1938 Soc. Grafica da Povoa

"Presença Folha de Arte e Crítica" n.º1 a 9, Coimbra, 1927. Foi editada em duas séries: a primeira, entre 1927 e 1940. Distinguindo-se por um cuidadoso grafismo, enriquecido com reproduções de trabalhos de Almada, Sarah Afonso, Mário Eloy, entre outros. Defendeu a criação de uma literatura mais viva, livre, oposta ao academismo e jornalismo rotineiro, primando pela crítica, pela predominância do individual sobre o colectivo, do psicológico sobre o social, da intuição sobre a razão.

"Presença Folha de Arte e Crítica" n.º1 a 9, Coimbra, 1927. Foi editada em duas séries: a primeira, entre 1927 e 1940. Distinguindo-se por um cuidadoso grafismo, enriquecido com reproduções de trabalhos de Almada, Sarah Afonso, Mário Eloy, entre outros. Defendeu a criação de uma literatura mais viva, livre, oposta ao academismo e jornalismo rotineiro, primando pela crítica, pela predominância do individual sobre o colectivo, do psicológico sobre o social, da intuição sobre a razão.

As 7 Partidas do Mundo Paulo de Cantos 1938 Soc. Grafica da Povoa

As 7 Partidas do Mundo Paulo de Cantos 1938 Soc. Grafica da Povoa

Caderno de notas de Fernando Pessoa : O palrador - [1903] . - [55] p. : il.; 20,5 x 16,1 cm Revista manuscrita dirigida pelo Dr. Pancrácio e outros colaboradores inventados por Pessoa.

Caderno de notas de Fernando Pessoa : O palrador - [1903] . - [55] p. : il.; 20,5 x 16,1 cm Revista manuscrita dirigida pelo Dr. Pancrácio e outros colaboradores inventados por Pessoa.

SERÕES. REVISTA MENSAL ILLUSTRADA - 2.ª série; N.º 1 A partir da 2.ª série da revista, iniciada em 1905, na sequência da venda do título à Livraria Ferreira, também casa editora, a relação com o livro intensificou-se e assumiu contornos de grande complementaridade. A Serões foi, um canal de divulgação e promoção da Livraria Ferreira, sobretudo, do seu catálogo e dos autores que com ela trabalhavam.

SERÕES. REVISTA MENSAL ILLUSTRADA - 2.ª série; N.º 1 A partir da 2.ª série da revista, iniciada em 1905, na sequência da venda do título à Livraria Ferreira, também casa editora, a relação com o livro intensificou-se e assumiu contornos de grande complementaridade. A Serões foi, um canal de divulgação e promoção da Livraria Ferreira, sobretudo, do seu catálogo e dos autores que com ela trabalhavam.

As 7 Partidas do Mundo Paulo de Cantos 1938 Soc. Grafica da Povoa

As 7 Partidas do Mundo Paulo de Cantos 1938 Soc. Grafica da Povoa

SERÕES. REVISTA MENSAL ILLUSTRADA – Publicou-se em Lisboa, entre Março de 1901 e Dezembro de 1911. Um dos aspetos que mais particulariza a Serões é a sua relação com o mundo do livro. Outra perspetiva que a Serões oferece é a do acompanhamento mensal, ao longo de um período de cerca de seis anos, da linha editorial e dos ritmos de produção de uma casa editora, no início do século XX.

SERÕES. REVISTA MENSAL ILLUSTRADA – Publicou-se em Lisboa, entre Março de 1901 e Dezembro de 1911. Um dos aspetos que mais particulariza a Serões é a sua relação com o mundo do livro. Outra perspetiva que a Serões oferece é a do acompanhamento mensal, ao longo de um período de cerca de seis anos, da linha editorial e dos ritmos de produção de uma casa editora, no início do século XX.

"Adão & Evas, lda: vestidos de finissimo ar" Paulo de Cantos 1925 tipografia d'O Póveiro Povoa do Varzim

"Adão & Evas, lda: vestidos de finissimo ar" Paulo de Cantos 1925 tipografia d'O Póveiro Povoa do Varzim

Paulo de Cantos: um editor à frente do seu tempo [Vídeo]

Paulo de Cantos: um editor à frente do seu tempo [Vídeo]

O atelier Barbara Says revela este sábado algumas facetas de uma figura invulgar e praticamente desconhecida. Paulo de Cantos dezenas de livros, utilizando a composição tipográfica para criar uma estética muito própria.

Pinterest
Pesquisar