Explore Tensão Corrente, Em Eletricidade e muito mais!

Explorar tópicos relacionados

O multímetro, também conhecido como VOM (Volt-Ohm-Miliamperímetro), Ohmiter, Multiteste ou Tester é um instrumento destinado a medida de grandezas eléctricas. Em eletricidade existem três grandezas básicas (tensão, corrente e resistência eléctrica) que o multiteste ou multímetro mede com precisão e, baseados nelas, podemos empregar este instrumento numa infinidade de aplicações. O tipo mais comum de multímetro é o que faz uso de um indicador de bobina móvel.

O multímetro, também conhecido como VOM (Volt-Ohm-Miliamperímetro), Ohmiter, Multiteste ou Tester é um instrumento destinado a medida de grandezas eléctricas. Em eletricidade existem três grandezas básicas (tensão, corrente e resistência eléctrica) que o multiteste ou multímetro mede com precisão e, baseados nelas, podemos empregar este instrumento numa infinidade de aplicações. O tipo mais comum de multímetro é o que faz uso de um indicador de bobina móvel.

Os Multímetros analógicos possuem várias escalas em seu painel frontal e de acordo com a necessidade de medição a agulha indica o valor medido, este modelo de Multímetro é considerado um pouco mais frágil em relação ao Multímetro Digital por possuir uma calibração em sua agulha, caso o mesmo sofra uma queda a possibilidade de danos é maior.

Os Multímetros analógicos possuem várias escalas em seu painel frontal e de acordo com a necessidade de medição a agulha indica o valor medido, este modelo de Multímetro é considerado um pouco mais frágil em relação ao Multímetro Digital por possuir uma calibração em sua agulha, caso o mesmo sofra uma queda a possibilidade de danos é maior.

Em sua maioria os Multímetros Analógicos medem: Tensão DC/AC, Sensibilidade DC/AC, Corrente DC, Resistência, Teste de Fuga de Transístores, Decibel, Teste de Continuidade, Teste de Bateria, Precisão Básica.

Em sua maioria os Multímetros Analógicos medem: Tensão DC/AC, Sensibilidade DC/AC, Corrente DC, Resistência, Teste de Fuga de Transístores, Decibel, Teste de Continuidade, Teste de Bateria, Precisão Básica.

Sensor de vibração: Detecta movimento ou vibrações e, por exemplo, estando acoplado a um interruptor, comanda-o, abrindo-o ou fechando-o conforme o nível de vibração.

Sensor de vibração: Detecta movimento ou vibrações e, por exemplo, estando acoplado a um interruptor, comanda-o, abrindo-o ou fechando-o conforme o nível de vibração.

O Capacitor é um componente eletrônico muito simples, porém com grande utilização em circuitos. Construtivamente falando, o capacitor é um elemento composto de duas placas (condutores), entre as quais existe algum isolante (dielétrico), pode ser ar, mica, plástico, óxido ou qualquer material que impeça a passagem de corrente elétrica.A figura a seguir mostra a variedade de capacitores que existem no mercado.

O Capacitor é um componente eletrônico muito simples, porém com grande utilização em circuitos. Construtivamente falando, o capacitor é um elemento composto de duas placas (condutores), entre as quais existe algum isolante (dielétrico), pode ser ar, mica, plástico, óxido ou qualquer material que impeça a passagem de corrente elétrica.A figura a seguir mostra a variedade de capacitores que existem no mercado.

A breadboard não é mais do que uma placa de plástico sob a qual são colocadas tiras metálicas com uma certa orientação (horizontal ou vertical) e que quando inserimos as pontas metálicas/terminais dos componentes ou de fios condutores de secção 0,5mm2, estes fazem contacto com essas tiras. Deste modo podemos ligar uns componentes aos outros desde que saibamos como as tiras estão ligadas.

A breadboard não é mais do que uma placa de plástico sob a qual são colocadas tiras metálicas com uma certa orientação (horizontal ou vertical) e que quando inserimos as pontas metálicas/terminais dos componentes ou de fios condutores de secção 0,5mm2, estes fazem contacto com essas tiras. Deste modo podemos ligar uns componentes aos outros desde que saibamos como as tiras estão ligadas.

Bobine ou Indutor:  Um indutor é um dispositivo eléctrico passivo que armazena energia na forma de campo magnético, normalmente combinando o efeito de vários loops da corrente eléctrica.    O indutor pode ser utilizado em circuitos como um filtro passa baixa, rejeitando as altas frequências.

Bobine ou Indutor: Um indutor é um dispositivo eléctrico passivo que armazena energia na forma de campo magnético, normalmente combinando o efeito de vários loops da corrente eléctrica. O indutor pode ser utilizado em circuitos como um filtro passa baixa, rejeitando as altas frequências.

Tabela+de+Funcoes+do+Padrao+DVI.jpg (397×403)

Tabela+de+Funcoes+do+Padrao+DVI.jpg (397×403)

Microfone de condensador: as placas do condensador vibram quando o som (vibração do ar) chega até ele. Esse facto faz com que as placas se movam, o que altera a capacidade do condensador, alterando a tensão no circuito. São caros mas dão uma grande qualidade de som.

Microfone de condensador: as placas do condensador vibram quando o som (vibração do ar) chega até ele. Esse facto faz com que as placas se movam, o que altera a capacidade do condensador, alterando a tensão no circuito. São caros mas dão uma grande qualidade de som.

Condensador:  Componente electrónico constituído por dois condutores separados por um isolador designado por dieléctrico. Funciona como armazenador de carga eléctrica que a disponibiliza quando necessário.

Condensador: Componente electrónico constituído por dois condutores separados por um isolador designado por dieléctrico. Funciona como armazenador de carga eléctrica que a disponibiliza quando necessário.

Pinterest
Pesquisar