Pinterest • O catálogo de ideias do mundo todo

Explore Noites Sem, Nas Noites e muito mais!

Quando o meu grito for silêncio e solidão a minha pele já sem viço enrugar e nos meus olhos não restar nem um só brilho eu ainda te amarei, meu doce amigo… E se nas noites sem razão e sem luar de manto negro as estrelas se cobrirem ou se o sol em pleno dia se esconder trazendo escuridão e desabrigo ainda assim o teu amor me guiará e te amarei: é para sempre, doce amigo… (Ariadna Garibaldi)

As coisas vão dar certo. Vai ter amor, vai ter fé, vai ter paz – se não tiver, a gente inventa. Te quero ver feliz, te quero ver sem melancolia nenhuma. Certo, muitas ilusões dançaram. Mas eu me recuso a descrer absolutamente de tudo, eu faço força para manter algumas esperanças acesas, como velas. Que 2012 seja doce. Repito sete vezes para dar sorte: que seja doce que seja doce que seja doce e assim por diante. Que seja bom o que vier, pra você. Caio Fernando Abreu

Assim como uma nuvem Só acontece se chover Assim como o poeta Só é grande se sofrer Assim como viver sem teu amor Não é viver Não há você sem mim E eu não existo sem você! (Vinicius de Moraes)

queres? queres algo? queres desejar? desejas querer? desejas-me? desejas querer-me? queres desejar-me? queres querer-me? queres que te deseje? desejas que te queira? queres que te queira? quanto me queres? quanto me desejas? ah quanto te quero quando te quero quando me queres... (Ana Hatherly)

Quando me amei de verdade, desisti de ficar revivendo o passado e de me preocupar com o futuro. Isso me mantém no presente, que é onde a vida acontece.

Se voce perdeu dinheiro, perdeu pouco. Se perdeu a honra, perdeu muito. Se perdeu a coragem, perdeu tudo. - Vincent Van Gogh

"Não sei... se a vida é curta ou longa demais pra nós, mas sei que nada do que vivemos tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas. Muitas vezes basta ser: colo que acolhe, braço que envolve, palavra que conforta, silêncio que respeita, alegria que contagia, lágrima que corre, olhar que acaricia, desejo que sacia, amor que promove. (Cora Coralina)