Sandra Vieira
More ideas from Sandra
A ditadura militar é uma forma de governo onde o poder político é efetivamente controlado por militares. A ditadura militar no Brasil se iniciou em 1964, durando até 1985. Essa época foi marcada pela desorganização, falta de democracia, supressão de direitos constitucionais, perseguição a política e repressão a todos que se opunham ao regime militar.

Actresses (from left) Tônia Carreiro, Eva Vilma, Odete Lara, Norma Bengell and Ruth Escobar in a protest against censorship in Brazil, 1968

Reivindicando a liberdade feminina e o direito das mulheres se vestirem da forma como quiserem sem ser vítimas de violência ou moralismo, milhares de mulheres, mas também homens héteros, gays, travestis e mesmo membros de grupos como bikers, skatistas, skinheads, punks e anarquistas tomaram as ruas de Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Florianópolis, Fortaleza e Belém  - além de outras cidades - para protestar contra a homofobia e em defesa do feminismo, ou…

Reivindicando a liberdade feminina e o direito das mulheres se vestirem da forma como quiserem sem ser vítimas de violência ou moralismo, milhares de mulheres, mas também homens héteros, gays, travestis e mesmo membros de grupos como bikers, skatistas, skinheads, punks e anarquistas tomaram as ruas de Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Florianópolis, Fortaleza e Belém - além de outras cidades - para protestar contra a homofobia e em defesa do feminismo, ou…

"A Marcha das Vadias é uma resposta à ideia de que mulheres são culpadas pela violência que sofrem. Nela, reivindicamos o direito pela autonomia sobre nossos próprios corpos e rechaçamos o pensamento de que a roupa ou o comportamento sejam usados como motivos para justificar a violência."

"A Marcha das Vadias é uma resposta à ideia de que mulheres são culpadas pela violência que sofrem. Nela, reivindicamos o direito pela autonomia sobre nossos próprios corpos e rechaçamos o pensamento de que a roupa ou o comportamento sejam usados como motivos para justificar a violência."

Origens históricas do Dia Internacional da Mulher:”(…)Com a Primeira Guerra Mundial (1914-1918) eclodiram ainda mais protestos em todo o mundo. Mas foi em 8 de março de 1917 (23 de fevereiro no calendário Juliano, adotado pela Rússia até então), quando aproximadamente 90 mil operárias manifestaram-se contra o Czar Nicolau II, as más condições de trabalho, a fome e a participação russa na guerra - em um protesto conhecido como “Pão e Paz” - que a data consagrou-se, embora tenha sido…

Throngs of women charge New York’s City Hall to protest the soaring cost of food.

A Lei Maria da Penha (11.340/2006) considera como forma de violência contra a mulher: a violência física, psicológica, sexual, patrimonial e moral. Fonte: Conselhos Nacional de Justiça

A Lei Maria da Penha (11.340/2006) considera como forma de violência contra a mulher: a violência física, psicológica, sexual, patrimonial e moral. Fonte: Conselhos Nacional de Justiça

O governo espanhol chamou-a de "Lei Orgânica de Protecção da Vida do Concebido e dos Direitos da Mulher Grávida". "Retrocesso civilizacional" é como muitos classificam esta lei que em Espanha volta a criminalizar o aborto voluntário...É dizer pouco. É triste... :/

O governo espanhol chamou-a de "Lei Orgânica de Protecção da Vida do Concebido e dos Direitos da Mulher Grávida". "Retrocesso civilizacional" é como muitos classificam esta lei que em Espanha volta a criminalizar o aborto voluntário...É dizer pouco. É triste... :/